Sabia que os dias na Terra costumavam ter menos de 19 horas de duração?
89
Compartilhamentos

Sabia que os dias na Terra costumavam ter menos de 19 horas de duração?

Último Vídeo

Nós do Mega Curioso já compartilhamos uma matéria por aqui na qual explicamos que os dias estão se tornando mais longos e que, dentro de alguns milhões de anos, eles terão 25 horas, em vez de 24. Mas não pense que esse é um fenômeno recente — ou que o nosso planeta resolveu dar uma desacelerada só de uns tempos para cá!

De acordo com Kollen Post, do site Science Mag, um time de cientistas determinou que, em um passado muito, muito distante, há 1,4 bilhão de anos, cada dia no nosso planeta tinha duração de menos de 19 horas. Se já é difícil concluir tudo o que temos para fazer em 24, imagine só como seria se nossos dias tivessem cinco horas menos!

Desacelerando

Mais especificamente, os pesquisadores estimaram que a Terra levava 18 horas e 41 minutos para completar uma volta sobre o próprio eixo há mais de um bilhão de anos, muito antes de as primeiras formas de vida complexa surgirem no planeta. Os cientistas também estimaram que, de lá para cá, cada ano “ganhou”, em média, 0,0000135 segundos, incremento que deve continuar ao longo dos próximos milhões — ou bilhões — de anos.

Planeta TerraOlha a Terra, que lindona (e esférica)! (Videezy)

Outra coisa relacionada com a desaceleração gradual da Terra é que, de acordo com Ian Sample, do The Guardian, a Lua se afastará de nós pouco a pouco. Aliás, de acordo com os cálculos dos cientistas, há 1,4 bilhão de anos, o satélite se encontrava uns 44 mil quilômetros mais próximo de nós do que agora — então, se a gente já se assombra com a beleza da Lua no céu noturno, imagine como não deveria ser no passado!

Mas, não se preocupe, pois, apesar de a fiel companheira da Terra estar se afastando do planeta, os pesquisadores explicaram que esse distanciamento não vai ocorrer para sempre, até que a Lua finalmente “rompa” conosco e se uma a outro planeta do Sistema Solar. Até onde foi estimado, eventualmente, o nosso satélite deverá alcançar uma distância estável — tornando-se menor no céu e visível apenas para metade do mundo.

***

Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices deste mundão afora! Cadastre seu email e não perca mais essa forma de mantermos contato!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.