Pesquisadores descobrem solução econômica para reaproveitar cacos de vidro
39
Compartilhamentos

Pesquisadores descobrem solução econômica para reaproveitar cacos de vidro

Último Vídeo

Cientistas da Universidade de Queensland (UQ), na Austrália, descobriram um método barato e eficiente de reaproveitar o resíduo de vidro. O professor Damien Batstone e o candidato a Ph.D Rhys Pirie desenvolveram um método para extrair o silicato líquido dos cacos de vidro, material que pode ser usado em milhares de produtos, desde fertilizantes até detergentes e creme dental.

Segundo Pirie, o método é mais barato e sustentável do que o convencional. "Estimamos que o processo é ao menos 50% mais barato que as formas convencionais de produção de silicato. Requer menos energia, matéria-prima e capital, e isso antes de considerar os custos sociais e econômicos reduzidos em comparação com o material de aterro sanitário". O Brasil, por exemplo, produz em média 980 mil toneladas de embalagens de vidro por ano, usando cerca de 45% de matéria-prima reciclada na forma de cacos.

Crédito/Universidade de Queensland

A dupla se inspirou na série War on Waste, da ABC, para criar a solução que também deixa pouco desperdício, já que quase todo o vidro é transformado em produtos vendáveis. Pirie começou a investigar as possibilidades da reciclagem de vidro depois de conversar com o professor Batstone, do Advanced Water Management Center da UQ, especializado em converter resíduos em produtos de alto valor. "A transição para economias circulares é um movimento que está ganhando força e algo em que sempre me interessei", disse ele, cuja pesquisa destaca a importância do uso e reciclagem da matéria-prima e da energia incorporada durante a fabricação. "É o que esse processo faz e estamos bastante confiantes de que isso criará ciclos econômicos positivos, abrangentes e virtuosos", afirma o pesquisador.

A UniQuest, empresa de comercialização da UQ, solicitou a patente para proteger o processo e agora está procurando parceiros comerciais. Para o restante de seu Ph.D., Pirie afirmou que está procurando maneiras de utilizar o resíduo de vidro para criar um aditivo de baixo custo para aumentar a eficiência de fertilizantes. 

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.