7 possíveis causas para o fim do mundo ganham notas apocalípticas

7 possíveis causas para o fim do mundo ganham notas apocalípticas

Último Vídeo

End Times: A Brief Guide to the End of the World (Fim dos Tempos: um breve guia para o fim do mundo, em tradução livre), livro recém-lançado pelo jornalista de ciência Bryan Walsh, analisa alguns cenários que poderiam, de forma plausível, levar à extinção da humanidade. Já que o fim do mundo povoa a imaginação humana, uma publicação americana pediu que o autor atribuísse aos cenários de extinção mais populares “notas apocalípticas” de 1 (temos boas chances de sobreviver) a 10 (estamos totalmente ferrados). Façam suas apostas!

Aquecimento global – Nota apocalíptica: 3

Foto por Roxanne Desgagnés via Unsplash    

Por acontecer de forma gradativa, a mudança climática poderia dar chance a adaptações. De qualquer forma seus efeitos, como escassez de alimentos, pode levar a conflitos de potencial destrutivo. 

Avanço da Inteligência Artificial – Nota apocalíptica: 6

                    Foto por Franck V. via Unsplash    

Sim, uma superinteligência seguramente tem potencial para exterminar ou subjugar completamente a raça humana. Mas Walsh crê que talvez nem cheguemos lá: “pode haver algo na natureza da inteligência biológica que não podemos realmente replicar em máquinas”, diz.

Doenças - Nota apocalíptica: 2

Imagem por kjpargeter via br.freepik.com

Embora tenham matado mais que qualquer guerra ou desastre natural ao longo dos tempos, as doenças carregam alguns limites evolutivos, segundo Walsh. Por um lado, há vírus que matam de forma violenta e rápida, como o Ébola, mas se espalham menos. Por outro, há vírus muito bons em se espalhar, mas com menos potencial letal, como o sarampo. 

Segurança alimentar – Nota apocalíptica: 3

Foto por Clem Onojeghuo via Pexels      

A maneira como produzimos e consumimos alimentos: em volumes alucinantes e de forma globalizada, tem potencial para espalhar contaminações em escala global. Um fim do mundo pelo estômago não é impossível. 

Asteroide – Nota apocalíptica: 2

Imagem por kjpargeter via br.freepik.com

Um clássico! Mas Walsh lembra que, das 5 grandes ondas de extinção, apenas a que dizimou os dinossauros foi provocada por um asteroide.  Em tese, podemos desenvolver métodos de alarme e desvio antes de uma colisão fatal.

Vulcões – Nota apocalíptica: 6 

Foto por Brent Keane via Pexels

Surpreendeu-se com a nota alta? Pois é, para ele a ameaça vulcânica é subestimada. A maior onda de extinção, que dizimou 90% da vida no planeta, foi causada por uma enorme erupção vulcânica na Sibéra. 

Alienígenas – Nota apocalíptica:  desconhecida 

Foto por Diego Marín via Unsplash    

Ao contrário de todos os filmes que você já viu, se houver alienígenas que podem alcançar a Terra e são hostis, vamos morrer”, diz Walsh. Trata-se de algo totalmente imprevisível: não foi possível até hoje provar a existência de vida em outros pontos do espaço, mas o contrário também não pode ser afirmado. Ficamos nesse “silencio desconfortável”.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.