Testes de vacina contra Coronavírus começam nos EUA

Testes de vacina contra Coronavírus começam nos EUA

Último Vídeo

A dose de teste da vacina contra o Coronavírus (COVID-19) foi aplicada pela primeira vez nesta segunda-feira (16), nos Estados Unidos. Para avaliar efeitos colaterais, o estudo contará com a participação de 45 voluntários jovens e saudáveis — que, portanto, não contraíram a doença —, os quais receberão diferentes quantidades do medicamento. O trabalho está sendo conduzido pelo Kaiser Permanente Washington Health Research Institute, em Seattle, no estado de Washington.

Essa não é a única iniciativa para conter o avanço do Coronavírus no mundo. Somente nos Estados Unidos, ao menos outras duas instituições farão testes similares, até o próximo mês, como é o caso da Universidade da Pensilvânia e um centro de testes em Kansas City, no estado do Missouri.

Contágio é prevenido com higienização constante das mãosContágio é prevenido com higienização constante das mãos

Já na China, algumas avaliações têm sido feitas com uma combinação de remédios contra HIV e ebola. Na Coreia do Sul, cientistas também buscam a fórmula para barrar a doença de maneira rápida. Entretanto, a liberação da vacina não aconteceria imediatamente, pois as autoridades de saúde levariam cerca de 18 meses para validá-la. Nesse processo, para constatar a efetividade do medicamento, estariam inclusos testes em outras milhares de pessoas.

Declarado como uma pandemia pela Organização Mundial de Saúde (OMS), o Coronavírus fez mais de 150 mil vítimas em todo o mundo. Só no Brasil, há 200 casos confirmados, segundo o Ministério da Saúde, enquanto mais de 1,9 mil são considerados suspeitos nos 26 estados e Distrito Federal do país.

Testes de vacina contra Coronavírus começam nos EUA via TecMundo

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.