Nevasca fortíssima encobriu a Espanha no começo de janeiro

Último Vídeo

Na sexta-feira, 08 de janeiro, teve início a Tempestade Filomena, que se intensificou no sábado e deixou a capital espanhola completamente branca. Além da região de Madri, outras nove províncias da Espanha receberam alerta vermelho e tiveram acúmulo de cerca de 20 centímetros de neve. Das 50 províncias do país, 36 receberam alerta amarelo, laranja ou vermelho.

(Fonte: CGTN / Reprodução)
(Fonte: CGTN / Reprodução)

Filomena está sendo considerada a pior nevasca em território espanhol em quase 60 anos.

Para muitos, a situação foi desesperadora: até agora, mais de 1.500 pessoas tiveram que ser resgatadas por ficarem presas dentro de carros soterrados na neve, muitas árvores caíram causando diversos tipos de danos, e ao menos quatro pessoas morreram.

(Fonte: CGTN / Reprodução)
(Fonte: CGTN / Reprodução)

Os meios de transporte pararam de funcionar, os serviços de emergência não puderam circular, pessoas em cargos essenciais não conseguiram chegar ao local de trabalho. O prefeito de Madri fez uma declaração suplicando para que as pessoas ficassem em casa e alertou à gravidade da situação.

Por outro lado, a nevasca também trouxe a oportunidade para alguns de passar o final de semana brincando na neve: muitos espanhóis saíram de casa com trenós, equipamento de ski, e até prancha de surf para aproveitar o fenômeno raro na Península Ibérica.

(Fonte: Elenuscca / Twitter / Reprodução)
(Fonte: Elenuscca / Twitter / Reprodução)

É claro que muitos saíram com equipamento de ski porque seria simplesmente impossível ou extremamente difícil sair sem eles…

(Fonte: Dani Caballo / EFE / Reprodução)
(Fonte: Dani Caballo / EFE / Reprodução)

O final de semana foi conturbado para os líderes políticos, membros do exército, policiais, bombeiros e civis que depositaram bastante energia ajudando a socorrer pessoas acidentadas e a remover neve a fim de liberar as vias antes da segunda-feira.

(Fonte: Jorge Zapata / EFE / Reprodução)
(Fonte: Jorge Zapata / EFE / Reprodução)

Temperaturas abaixo de -10ºC são esperadas para esta semana na Espanha. Por isso, houve uma corrida contra o tempo para retirar a maior quantidade possível de neve das ruas antes que ela virasse gelo, ou seja, se tornasse sólida, dificultando o processo.

(Fonte: Javier López / EFE / Reprodução)
(Fonte: Javier López / EFE / Reprodução)

A nevasca passará, mas restarão estas fotos incríveis em que a Espanha parece a Rússia ou outro país da Europa onde tempestades assim são mais comuns no inverno.

(Fonte: Rey Sotolongo / Europa Press / Reprodução)
(Fonte: Rey Sotolongo / Europa Press / Reprodução)
Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.