Seja o primeiro a compartilhar

12 curiosidades sobre comida para abrir seu apetite

Além de essencial para sobrevivermos, comer é muito bom, né? Mas sentar à mesa e saborear um prato também é uma forma de cultura — afinal, podemos aprender muito com as comidas, os ingredientes utilizados nas receitas a forma que são preparadas. Pensando nisso, nós preparamos essa lista com 12 curiosidades sobre comida. A gente aposta que você não conhece a maior parte delas!

1. Salmão japonês?

O sushi de salmão não é uma invenção japonesa. Ele foi introduzido pela indústria de salmão norueguesa, que queria vender o peixe na terra do sol nascente. Esse novo tipo de sushi só chegou aos japoneses (e ganhou o mundo) a partir dos anos 80 e 90.

2. Limpeza com gengibre

Ainda no assunto da comida japonesa, você sabia que as lascas de gengibre que acompanham os pratos servem para limpar nosso paladar entre um peixe e outro? Já o wasabi (raiz forte) tem funções bactericidas e faz bem para a saúde.

Fonte: Jun Japanese Food/ReproduçãoFonte: Jun Japanese Food/Reprodução

3. Ovo vegetariano

A água que sobra no cozimento de grãos-de-bico é chamada de aquafaba e é um ótimo substituto vegetal para as claras de ovos. É possível até usá-las em receitas.

4. A curva do croissant

Por que alguns croissants são retos e outros curvos? A resposta para isso está na manteiga e na margarina: as receitas que usam só o primeiro ingrediente resultam em croissants mais retinhos, enquanto aqueles que usam margarina ficam curvos. Já que a manteiga é um ingrediente "mais nobre", os croissants retos são considerados melhores por quem entende do assunto.

5. A luta do século

Ainda no assunto "manteiga x margarina", a indústria de laticínios norte-americana ficou horrorizada quando o ingrediente mais barato chegou ao país nos anos 1870. Os defensores mais ferrenhos da manteiga faziam campanhas e publicavam charges em jornais contra o novo produto. Em alguns estados, ele foi proibido por lei. Mas o mais curioso aconteceu em New Hampshire: a margarina até poderia ser vendida, desde que fosse pintada de rosa, para diferenciá-la da manteiga.

Fonte: Taste of HomeFonte: Taste of Home

6. Italiano de mentirinha

O pepperoni não é uma comida italiana. Ele foi criado por pessoas ítalo-americanas nos Estados Unidos, inspirada em alguns tipos de salames apimentados que, de fato, existem na Itália. No País da Bota, a palavra pepperoni é o plural de pepperone, que significa "pimentão" em italiano. Já nos EUA, é o sabor mais popular de pizza.

7. A origem do sanduba

O sanduíche foi popularizado por um nobre inglês, John Montagu, o 4º conde de Sandwich. Ele gostava muito de um carteado e não queria parar de jogar para comer, então pedia que as carnes lhe fossem servidas entre duas fatias de pão. Acredita-se que as pessoas já tinham o costume de colocar ingredientes no meio do pão desde os tempos mais remotos, mas o nobre inglês é quem deu o nome ao prato, no século XVIII.

Fonte: Wikimedia CommonsFonte: Wikimedia Commons

8. O nascimento dos nachos

Os nachos foram inventados por um chef de cozinha mexicano, por volta de 1940. Seu nome era Ignacio Anaya e o apelido mais comum para esse nome, no espanhol, é "Nacho". O nome original da receita era, somente, "Nacho's especiales" ou especiais do Nacho. Depois disso é que as tortillas com queijos e molhos ganharam o mundo.

9. Vegetal coringa

O brócolis pode ser considerado uma invenção humana. Isso porque ele é resultado de seleções de plantas do gênero Brassica  por agricultores desde o século VI antes de Cristo. Dessa mesma planta temos também a couve-flor, a couve, a couve-de-bruxelas, o repolho, entre outras.

10. Gordurella?

A Nutella tem esse nome porque é um creme de avelã — ou hazelnut, em inglês. Mas você sabia que nem há tanta "nut" assim no creme? Mais de 50% da receita da Nutella é formada por açúcar e gordura (óleo de palma). Cerca de 13%, apenas, são avelãs, de fato. Mesmo assim, o resultado é uma delícia, né?

Fonte: CybercookFonte: Cybercook

11. Shake, shake, shake...

Outra coisa gostosa com muito açúcar é o milkshake. Um do McDonald's pode ter 90 gramas de açúcar, mais do que a quantidade diária recomendada para um adulto no dia inteiro (75 gramas). Ele também tem cerca de 630 calorias, mais ou menos o mesmo que uma refeição inteira.

12. Se eu cozinho é melhor

Algumas pessoas acreditam que comer ovos crus é uma boa fonte de proteína. Mas diversas experiências científicas já comprovaram que nosso organismo absorve quase o dobro da proteína se os ovos forem cozidos ou fritos.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.