Seja o primeiro a compartilhar

Castelo do Drácula distribui vacinas contra covid-19 na Romênia

Quem visita o Castelo de Bran, na Romênia, pode conhecer de perto um monumento histórico, que inspirou a história do Drácula, e também sair de lá vacinado contra a covid-19. A novidade faz parte de uma campanha do governo romeno iniciada no sábado (8), como forma de incentivar turistas e moradores a se imunizarem.

Com mais de 1 milhão de casos da doença provocada pelo novo coronavírus registrados desde o início da pandemia e cerca de 29 mil mortes até o momento, a Romênia tem um dos maiores índices de rejeição à vacina da Europa. Quase metade da população não quer ser imunizada, de acordo com pesquisa feita recentemente.

Dessa forma, as autoridades romenas resolveram usar um dos principais pontos turísticos da Transilvânia para incentivar a vacinação, de forma bem-humorada. Placas no local perguntam aos visitantes se eles têm medo da vacina e afirmam que eles podem ser espetados por agulhas em vez de serem mordidos, referindo-se à famosa lenda da construção.

(Fonte: BBC/Reprodução)(Fonte: BBC/Reprodução)

Ao entrar no Castelo do Drácula, o turista é recebido por médicos e enfermeiros usando adesivos de presas no uniforme, que oferecem gratuitamente o imunizante e um “certificado de coragem e responsabilidade” para quem optar por receber a proteção. De acordo com a BBC, as vacinas aplicadas por lá são as da Pfizer.

A lenda do Drácula

Erguido em 1212 pelos cavaleiros da Ordem Teutônica, o Castelo de Bran fica em um vale nos montes Cárpatos, a 170 km de distância da capital Bucareste. A construção, utilizada em algumas ocasiões durante o século XV pelo príncipe Vlad Tepes, inspirou o escritor irlandês Bram Stoker no desenvolvimento de Drácula, livro lançado em 1897.

Na obra, Stoker utilizou tanto as descrições do castelo quanto as histórias de crueldade e brutalidade associadas a Vlad, o Empalador, como o governante também era conhecido, para a criação do famoso personagem que se tornou referência para a literatura de vampiros.

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

A campanha de vacinação no Castelo do Drácula será realizada em todos os finais de semana de maio. Os interessados não precisam agendar o atendimento para receber a injeção e ainda ganham uma visita gratuita à exposição de instrumentos medievais de tortura em exibição na antiga fortaleza medieval.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.