Qual a função de um enfermeiro dentro de um hospital?

O dia 5 de agosto marca a celebração do Dia Nacional da Saúde, que tem como objetivo conscientizar a população sobre a importância dos cuidados com a saúde e com o bem-estar. Entre vários das profissões que trabalham dentro desse meio para assegurar o atendimento médico-hospitalar dos pacientes, uma deles chama a atenção pela versatilidade: os enfermeiros e enfermeiras.

Em geral, a enfermagem é possui área de atuação muito vasta, permitindo com que os enfermeiros possam optar por trabalhar em hospitais, consultórios médicos, casas de repouso, escolas e mais algumas outras ramificações. Já parou para pensar em tudo que um enfermeiro pode fazer? Por isso, falaremos um pouco sobre esse tema durante esse texto. 

Funções do enfermeiro

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)

Primeiramente, precisamos entender que a enfermagem é uma carreira que atua basicamente em todas as etapas do atendimento médico-hospitalar. Ou seja, os enfermeiros participam do processo de assistência aos enfermos, da administração de medicamentos e até mesmo da realização de procedimentos — sendo parte fundamental da equipe.

Em média, um enfermeiro trabalhando em São Paulo ganha um salário de R$ 4.077 por 38 horas semanais. Para poder atuar na área, uma pessoa deve se tornar Bacharel de Enfermagem através de um curso de graduação com duração de 5 anos oferecido por uma das universidades aprovadas pelo Ministério da Educação (MEC).

Realização de diagnóstico

(Fonte: Unsplash)(Fonte: Unsplash)

Dentro da rotina de um hospital, os enfermeiros e enfermeiras possuem a importante missão de assumirem a linha de frente dos atendimentos. Isso significa que a maioria dos pacientes que chegam para receber cuidados médicos acabam passando pelas mãos de um profissional da enfermagem.

Sendo assim, são eles que realizam os exames preliminares, cuidam da higiene e conservação do espaço de atendimento, realizam a gestão dos medicamentos prescritos e ajudam a acompanhar o quadro geral dos pacientes internados. Os enfermeiros devem trabalhar em conjunto com uma equipe multiprofissional e supervisionar as ações do time.

Assistência ao paciente

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)

Durante o tempo de permanência de um paciente dentro do hospital, os profissionais de enfermagem são essenciais na tarefa de estarem disponíveis para qualquer eventual necessidade dos enfermos. Além de garantir a maior qualidade de vida possível para os internados, os enfermeiros devem estar sempre em contato com os familiares.

No fim das contas, muita parte do processo de atendimento hospitalar passa não só por problemas físicos, mas por responsabilidades emocionais. Por isso, os enfermeiros são quem atuam para confortar os doentes dependendo de cada tipo de situação.

Suporte ao médico

(Fonte: Unsplash)(Fonte: Unsplash)

Os enfermeiros são também o verdadeiro braço direito do médico encarregado para cada caso. Sendo assim, uma de suas principais atividades é se certificar de que tudo que foi recomendado pela equipe médica está sendo comprido. 

Nessa função, o profissional deverá executar as prescrições, atualizar os prontuários, preparar todos os instrumentos médicos, dar suporte a equipe técnica, coordenar os demais técnicos e auxiliares em enfermagem e assumir mais algumas outras funções do cotidiano hospitalar.

Realização de procedimentos

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)

Por fim, uma das tarefas mais primordiais da enfermagem acontece durante a realização de uma série de procedimentos de saúde. Para se ter uma ideia, os enfermeiros os profissionais que realizam a sondagem vesical e orogástrica, inserção de cateter central e inserção periférica.

Outros procedimentos igualmente importantes também feitos por essa área da saúde é a aplicação de vacinas, medição de pressão dos pacientes e a preparação de outros exames para o acompanhamento do quadro clínico. 

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.