Seja o primeiro a compartilhar

Afinal, qual é a cor do sol?

É quase consenso mundial: para crianças ou adultos, a cor do sol é amarela. Porém, em teoria, todos estão errados.

Diferente do que muitos imaginam, a verdadeira cor do sol, o principal astro de nosso sistema, é branca. Porém, como ele produz luz própria por meio de processo de fusão nuclear, isso provoca a visão de outras tonalidades dependendo do lugar em que estamos ou da hora do dia. Mas, calma. Vamos te explicar!

Meu mundo caiu...

Talvez a essa altura muitos estejam se perguntando o motivo dessa confusão. Além do já mencionado processo de fusão nuclear, também é válido ressaltar que existe uma dispersão nesses raios ao entrar na atmosfera da Terra, gerando as tonalidades amarela e vermelha.

(Fonte: Shutterstock)(Fonte: Shutterstock)

Quando a luz produzida pelo sol chega à Terra, alguns comprimentos de ondas menores (que geralmente são violetas ou azuis) são espalhados em pequenas partículas, gerando um fenômeno chamado Dispersão de Rayleigh. Ele só acontece em casos nos quais as partículas iluminadas são bem menores que os comprimentos de onda de luz incidente, visto com mais frequência em gases.

Por conta disso, comprimentos de ondas maiores como laranja e vermelho passam pela atmosfera sem sofrer grande espelhamento — o céu só fica na coloração azul e o sol só apresenta tom laranja ou vermelho graças a esse fenômeno.  

A mudança de cores também considera a mudança de ângulo da incidência da luz solar. Quando o sol começa a se por, por exemplo, as luzes precisam percorrer uma distância maior, o que acaba gerando uma cor diferente da que podemos ver ao meio-dia, quando em alguns casos ele até pode apresentar uma cor que o aproxime mais do branco original.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.