240
Compartilhamentos

Pupilas dilatadas: 7 possíveis significados

Último Vídeo

Seus olhos dizem muito sobre o que se passa com você e a galera do Psy Blog compilou algumas informações bem interessantes que podem ser percebidas com um “simples” olhar, especialmente quando alguém está com as pupilas dilatadas.

Pupilas dilatadas, fenômeno conhecido também como midríase, é quando existe a contração do músculo dilatador da pupila, isso pode acontecer por uma resposta fisiológica ou não e pode ter diversas causas. Confira a seguir o que é que isso pode querer dizer:

1. Você está pensando muito

Se alguém faz uma pergunta difícil e você começa a pensar na resposta logo em seguida, suas pupilas ficam mais dilatadas – quanto mais seu cérebro trabalha, mais suas pupilas se abrem.

2. Tem alguma coisa errada com o seu cérebro

Pupilas dilatadas nem sempre indicam que você está apenas pensando, e é justamente por isso que médicos têm o costume de jogar aquela luz no olho do paciente – assim dá para saber se o cérebro está trabalhando bem. A regra é simples: as pupilas devem estar iguais, circulares e reagentes à luz.

3. Alguma coisa está prendendo a sua atenção

Se alguém está interessado realmente naquilo que você está dizendo, e possível que as pupilas dessa pessoa se dilatem. Em um estudo realizado em 1977, um grupo de voluntários ouviram três livros: um erótico, um envolvendo mutilação e um neutro. Eles ficaram com as pupilas dilatadas apenas quando ouviram as histórias eróticas e as violentas.

4. A pessoa está sexualmente excitada

Todo o corpo responde ao excitamento sexual, inclusive as pupilas, que se dilatam tanto em homens quanto em mulheres.

5. Alguém está chocado com alguma situação

Nesse caso, as pupilas tendem a se dilatar no início do choque, como quando você vê uma situação de violência; mas elas se fecham em seguida, em uma tentativa de evitar que você continue vendo aquela cena.

6. Você está sentindo dor

Se você sente uma dor repentina, independente do motivo, suas pupilas se dilatam – essa dilatação varia de acordo com a intensidade da dor.

7. Quando uma pessoa usa drogas

Álcool e drogas derivadas do ópio contraem as pupilas; já a anfetamina, a cocaína, o LSD e a mescalina deixam as pupilas bastante dilatadas.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.