Drops Históricos #015: Sua dose semanal de História aqui no Mega

Drops Históricos #015: Sua dose semanal de História aqui no Mega

Último Vídeo

Tudo bem que julho é mês de férias, mas isso não é desculpa para não aprender um pouco sobre a história da humanidade! Afinal de contas, segunda-feira é feriado em São Paulo (e na Argentina!), e a galera paulistana vai ter tempo de sobra para conferir umas notícias.

Por falar nisso, no Drops Históricos desta semana você descobre justamente a origem desse feriado nas terras dos hermanos, bem como aprende um pouquinho sobre o dia 14 de julho, que também é uma data especial e o principal feriado do ano na França. E não para por aí; confira!

9 de julho

1816 - Independência da Argentina

Pouco menos de 8 anos antes do Brasil, em 9 de julho de 1816, a Argentina proclamou sua independência da Espanha, com a publicação de uma Declaração de Independência no Congresso de Tucumán.

Essa data marcou a formalização de uma luta que começou em 1810, com a Revolução de Maio, mas não terminou com a declaração em si. A Guerra da Independência, iniciada em 1816, se estendeu até a década de 1860 com pesados confrontos civis e governos ditatoriais. Ainda assim, o dia 9 de julho é extremamente celebrado pelos argentinos — é feriado nacional e dá nome a uma das principais avenidas da capital, Buenos Aires, bem como a ruas em quase todas as cidades do país.

Dia 9 de julho também é a data da Revolução Constitucionalista e feriado em São Paulo. Saiba mais sobre ela aqui.

10 de julho

1859 - Primeiro badalo oficial do Big Ben

O sino do Palácio de Westminster soou pela primeira vez em Londres no dia 10 de julho de 1859, depois de instalado na torre do relógio, conhecida atualmente como Elizabeth Tower.

Com estilo neogótico e 96 metros de altura, a torre tem um relógio com quatro faces e se tornou um dos grandes símbolos do Reino Unido. O sino tem 2,74 metros de diâmetro e 2,39m de altura e pesa 13,76 toneladas. Ele toca dos os dias desde sua instalação.

11 de julho

1973 - Pouso forçado do voo Varig RG-820

Há 45 anos, quase chegando à sua primeira escala (Aeroporto de Orly, em Paris), o voo RG-820 da Varig foi obrigado a fazer um pouso forçado em uma plantação de cebolas.

O voo estava a apenas 4 quilômetros de seu destino, mas não conseguiu alcançá-lo por causa de um incêndio em um dos banheiros ao fundo da aeronave, o qual forçou o piloto a pousar onde estava mesmo. No entanto, o fogo, a fumaça e a aterrisagem forçada foram um conjunto fatal à grande maioria dos passageiros.

No total, 123 pessoas morreram na ocasião, entre elas vários brasileiros. Somente 10 tripulantes e 1 único passageiro sobreviveram ao acidente, cuja causa provável foi uma bituca de cigarro jogada na lixeira do banheiro.

12 de julho

1904 - Nascimento de Pablo Neruda

Em 12 de julho de 1904, nascia na cidade chilena de Parral um dos maiores poetas e escritores do mundo: Ricardo Eliécer Neftalí Reyes Basoalto, cujo pseudônimo era Pablo Neruda.

Vencedor do Prêmio Nobel de Literatura em 1971, depois de já ter escrito quase 30 livros, Neruda ainda trabalhou como cônsul do Chile no México e na Espanha, fruto de uma atuação consistente também na política. Ele faleceu apenas 2 anos depois de ter recebido o Nobel, em 23 de setembro de 1973.

13 de julho

1878 - Tratado de Berlim é assinado

Depois de expandir seu território por séculos, conectando a Ásia à Europa e dominando diversos países, o Império Otomano chegou a ocupar boa parte dos continentes. Veja no GIF abaixo as diferentes fases:

Em 1878, durante o Congresso de Berlim, o Império Otomano assinou um tratado que anulava algumas premissas do Tratado de Santo Estêvão. Assinado antes no mesmo ano, este último já indicava algumas questões que o Tratado de Berlim veio para retificar e/ou reforçar.

Firmado por Reino Unido, Frana, Áustria-Hungria, Império Alemão, Reino da Itália, Império Russo e Império Otomano, o Tratado de Berlim reforçou e formalizou mais uma vez a independênia da Romênia, da Sérvia e de Montenegro, bem como deu autonomia à Bulgária.  Além disso, a Áustria-Hungria voltou a ocupar a Bósnia e Herzegovina.

Uma das grandes conquistas do Tratado de Berlim, no entanto, foi a liberdade religiosa, já que vários grupos receberam estatuto jurídico para praticar suas religiões.

Por fim, 13 de julho também é conhecido como o Dia Mundial do Rock.

14 de julho

1789 - Queda da Bastilha e início da Revolução Francesa

Liberté, Égalité, Fraternité. Com o lema que bradava por liberdade, igualdade e fraternidade, a Revolução Francesa foi uma das mais importantes dos últimos séculos. Indignada com a pobreza extrema, cansada da exploração pelos mais ricos e negando-se a aceitar novas cargas de impostos sugeridas pelo rei Luís XVI, a população tomou as ruas e iniciou uma insurreição que teve seu ponto mais alto com a tomada da Bastilha, no dia 14 de julho de 1789.

Um dos símbolos do reinado, a Bastilha era uma prisão da monarquia, onde eram então mantidos sete presos políticos do Rei. Os revoltosos trocaram tiros com os guardas, libertaram os presos, atearam fogo no local e desfilaram pelas ruas de Paris, carregando a cabeça do governador da Bastilha, o Marquês de Launay, enfiada em uma lança.

O episódio foi celebrado na Europa inteira e até hoje é conhecido como o marco inicial da revolução, que durou até 1814. O dia 14 de julho é feriado na França, um dos mais importantes do ano, e também é considerado o Dia Mundial da Liberdade.

15 de julho

1997 - Gianni Versace morre em Miami

Aos 50 anos de idade, o estilista Gianni Versace era um verdadeiro fenômeno da moda e da alta costura. Com sua marca fundada quase 20 anos antes, ele tinha na irmã, Donatela, seu braço direito e sua musa inspiradora; e foi ela quem deu continuidade ao legado do irmão quando ele foi assasinado na porta de casa, em Miami, em 15 de julho de 1997.

O assassino, Andrew Cunanan, era um homem de apenas 27 anos que utilizou a morte de Versace, com dois tiros na nuca, como o encerramento em grande estilo de sua sequência de cinco crimes, todos eles contra homens mais velhos e bem-sucedidos.

Cunanan foi encontrado morto alguns dias depois, em 23 de julho, em uma mansão em Miami, e até agora não se sabe ao certo o que o motivou a tudo isso. Especula-se muito que o serial killer tenha escolhido suas vítimas por serem exemplos de homens que eram um verdadeiro retrato daquilo que ele nunca seria  em termos de estética, riqueza e reconhecimento.

O caso será tema da segunda temporada da série "American Crime Story", que vai tratar do assassinato e da construção de um serial killer a partir da história de Cunanan.

***

Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices deste mundão afora! Cadastre seu email e não perca mais essa forma de mantermos contato!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.