Fanfarrão, Hawking atropelava os dedinhos de quem ele não gostava
3.302
Compartilhamentos

Fanfarrão, Hawking atropelava os dedinhos de quem ele não gostava

Último Vídeo

Hoje o dia está sendo para relembrar o brilhante físico Stephen Hawking, que faleceu no início da madrugada – justamente no mesmo dia em que Albert Einstein nasceu, no ano de 1879. Cheio de frases incríveis e polêmicas e com uma vida dedicada à Física, Hawking também era um fanfarrão de marca maior.

Sua debilidade motora – ele só conseguia mexer os olhos – não o impedia de fazer piadas. Ele frequentemente participava de programas de comédia, levando muita gente à gargalhada. Hawking sabia que sua condição, a esclerose lateral amiotrófica, muitas vezes causava uma espécie de pena nas pessoas, por isso ele tirava proveito dessa situação quando podia.

Na biografia “Stephen Hawking: An Unfettered Mind”, de Kitty Fergunson, lançada em 2013, a autora cita aquilo que seria uma prática costumeira do físico diante de pessoas que ele realmente não gostava: passar com sua cadeira de rodas sobre os dedinhos dos pés das vítimas!

stephen hawking e jim carreyNesta foto, Hawking brinca com Jim Carrey sobre os "boatos" de que ele atropelava pés

Fergunson narra um incidente ocorrido em 1977, quando o príncipe Charles teria se aproximado de Stephen Hawking intrigado com seu meio de locomoção. O físico, para demonstrar a habilidade e a utilidade da cadeira, teria atropelado os pés do príncipe e primeiro herdeiro da coroa britânica – sem querer querendo, é claro!

Apesar de isso estar em sua biografia, nunca foi algo realmente confirmado como um hábito de Hawking – ele negou, mas não foi convincente nisso. Entre boatos, também consta que a maior frustração do físico foi nunca ter esmagado os dedinhos de Margaret Thatcher, a ex-primeira-ministra do Reino Unido.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.