04
Compartilhamentos

8 famosas que comeram a placenta após a gravidez (e contaram como foi)

Há alguns dias, nós publicamos uma matéria sobre a placentofagia — o hábito de comer a própria placenta após a gravidez. O assunto é bastante polêmico, causando nojo em muitas pessoas, além de parecer um pouco bizarro para outras. Já os defensores dessa prática dizem que o órgão oferece nutrientes para mãe bebê, além de contribuir para a produção de leite e para evitar a depressão pós-parto — alegações que não encontram respaldo na ciência que, pelo contrário, desincentiva a prática.

Em meio à polêmica, cada vez mais gente está aderindo ao hábito de comer a placenta após a gravidez, incluindo muitas mamães famosas. Na primeira matéria, citamos o caso da apresentadora Fernanda Lima, mas há várias outras que também falaram sobre isso, abertamente, em entrevistas. Conheça 8 casos de famosas que comeram a placenta.

1. Bela Gil

Imagem: Purepeople/ReproduçãoImagem: Purepeople/Reprodução

A chef de cozinha e apresentadora de TV, conhecida por suas receitas naturais, contou sobre a experiência em entrevista a Fábio Porchat. Ela disse saber que não há nenhum estudo científico comprovando os benefícios da prática, mas que esse era um ritual que ela queria fazer, de qualquer forma. Segundo Gil, a placenta tem consistência parecida com a do fígado. Só faltou ela divulgar a receita que preparou para comer, né?

2. Fernanda Machado

Imagem: RD1/ReproduçãoImagem: RD1/Reprodução

A atriz disse que achou a ideia "meio nojenta", no início, mas depois mudou de ideia após descobrir "as maravilhas da placenta encapsulada", em suas próprias palavras. Essa técnica consiste em preparar o órgão em pequenas capsulas, como de remédio, que são consumidas dia após dia pela mãe. Apesar de parecer menos nojento, os especialistas afirmam que muitos dos nutrientes se perdem e as cápsulas podem ser contaminadas no processo de produção, prejudicando a mãe o bebê. 

3. Kourtney Kardashian

Imagem: Uol/ReproduçãoImagem: Uol/Reprodução

Falando sobre as cápsulas, essa foi a forma escolhida pela socialite e estrela de reality shows americana, a mais velha das irmãs Kardashian. Em 2015, ela chegou a publicar fotos das pílulas para seus mais de 100 milhões de seguidores no Instagram, dizendo que elas eram capazes de "mudar vidas". 

4. Kim Kardashian

Imagem: Forbes/ReproduçãoImagem: Forbes/Reprodução

Já a irmã de Kourtney — que, em 2021, entrou oficialmente para a lista de bilionários da Forbes — preferiu um método um pouco diferente. Ela comeu a placenta de Saint, seu segundo filho com Kanye West, após um processo congelamento e secagem, de modo que o órgão foi transformado em pílulas.

5. Chrissy Teigen

Imagem: Uol/ReproduçãoImagem: Uol/Reprodução

Mãe de um menino e uma menina, com o músico John Legend — ela estava grávida do terceiro, Jack, mas infelizmente sofreu um aborto espontâneo —, Chrissy Teigen comeu a placenta da segunda gestação. Ela afirma que isso ajudou a prevenir a depressão pós-parto, algo que a afetou na primeira gravidez.

6. Hilary Duff

Imagem: Claudia/ReproduçãoImagem: Claudia/Reprodução

A cantora e atriz, que ficou famosa nos anos 2000 pelo sucesso da série Lizzie McGuire, além de seus filmes e músicas para o público adolescente, já passou dos 30 e é mãe de 3 crianças — sim, a gente está ficando velho. Duff afirmou que decidiu comer a placenta de sua segunda gravidez após ouvir que isso poderia ajudar a prevenir sangramentos e depressão pós-parto. Contudo, após saber que as pílulas poderiam ser prejudiciais, ela decidiu usar o órgão para fazer vitaminas com frutas e sucos. "É a vitamina mais gostosa que eu já tomei", disse Duff. 

7. Mayim Bialik

Imagem: Estadão/ReproduçãoImagem: Estadão/Reprodução

Conhecida por seus papéis nas séries Blossom e The Big Bang Theory, Bialik também é doutora em neurociência pela Universidade da Califórnia. Ela até publicou um artigo, em seu blog, para defender sua escolha de comer a própria placenta: "Seres humanos são os únicos mamíferos que escolheram não comer sua placenta, que é consumida por todos os outros mamíferos por suas proteínas e ferro, nutrientes essenciais para ajudar o corpo da mãe a se recuperar após dar à luz. Fim da história".   

8. Alicia Silverstone

Imagem: Observatório do Cinema/ReproduçãoImagem: Observatório do Cinema/Reprodução

A eterna Cher Horowitz de As Patricinhas de Beverly Hills contou que as pílulas a ajudaram de verdade na recuperação pós-gravidez. Seu marido chegou a chamá-las de "happy pills", algo como "pílulas da felicidade".

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.