Seja o primeiro a compartilhar

Por que não devemos dormir durante a decolagem e o pouso do avião?

Dormir durante a decolagem e o pouso de um avião pode parecer tentador, especialmente em voos longos. No entanto, essa prática não é apenas desaconselhada por questões de conforto; há também considerações cruciais relacionadas à segurança e à saúde que tornam importante permanecer acordado no decorrer dessas fases críticas do voo.

Preparação para emergências

(Fonte: Getty Images)(Fonte: Getty Images)

Durante a decolagem e o pouso, os passageiros precisam estar alertas e prontos para agir em caso de emergência. Manter-se acordado facilita a resposta rápida às instruções e contribui para a evacuação eficiente da aeronave, se necessário.

Além disso, o uso adequado do cinto de segurança é obrigatório durante essas fases, e estar acordado permite que os passageiros ajustem rapidamente seus cintos conforme necessário, garantindo sua segurança durante uma intercorrência no voo.

o longo da decolagem e do pouso, a consciência do ambiente ao redor é crucial, especialmente em condições meteorológicas adversas ou durante uma turbulência. Permanecer acordado ajuda os passageiros a estarem cientes de possíveis mudanças nas condições de voo.

Além disso, a comunicação eficaz entre a tripulação e os passageiros é essencial em todas as fases do voo. Dormir pode dificultar essa comunicação; por isso, é importante permanecer acordado para receber informações ou instruções de emergência.

Prevenção do barotrauma

(Fonte: Getty Images)(Fonte: Getty Images)

Durante a decolagem e o pouso, a aeronave passa por mudanças na pressão atmosférica que podem afetar os ouvidos dos passageiros. O ouvido médio é particularmente sensível a essas variações de pressão, e o barotrauma acontece quando não é possível equalizar adequadamente a pressão nos ouvidos.

Permanecer acordado permite que os passageiros estejam conscientes das mudanças de pressão e tomem as medidas necessárias para equalizar a pressão nos ouvidos, reduzindo assim o risco de barotrauma e garantindo uma experiência de voo mais confortável e segura.

Prevenção do jet lag

(Fonte: Getty Image)(Fonte: Getty Image)

Além das preocupações com segurança, permanecer acordado ao longo da decolagem e do pouso também pode ajudar na prevenção do jet lag. Manter um padrão de sono mais alinhado com o destino pretendido pode minimizar os efeitos do jet lag, contribuindo para uma adaptação mais suave ao fuso horário do seu destino.

Em resumo, a decisão de permanecer acordado durante a decolagem e o pouso vai além do simples conforto pessoal. É uma medida essencial para garantir a segurança, a prontidão para emergências e a conscientização ambiental no decorrer das fases críticas do voo. Ao seguir essas práticas, os passageiros contribuem para um ambiente mais seguro e facilitam a comunicação eficaz com a tripulação, garantindo uma viagem mais tranquila.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.