6 verdades ou mitos sobre o corpo das mulheres

Nem todos  sabem os detalhes sobre os próprios corpos. A realidade é que o corpo humano, de maneira geral, é algo extremamente complexo e com particularidades que ainda estamos aprendendo por meio da Ciência.

Logicamente, isso não é nem um pouco diferente quando o tópico principal são as mulheres. Uma das ferramentas mais importantes do ser humano é o autoconhecimento e, por isso, precisamos desmistificar algumas informações. Pensando nisso, nós listamos seis mitos ou verdades sobre o corpo feminino. Confere aí!

1. Sexo durante o período fértil resulta em gravidez – Mito

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)

Durante a fase de ovulação, as mulheres estão em seus "períodos férteis", que significa, em tese, uma maior chance de engravidar. Entretanto, isso não quer dizer que qualquer relação sexual durante esse período representa a certeza de que um bebê irá nascer. Para se ter uma ideia, a maioria dos casos, na verdade, não resulta em gestação. Estudos apontam que somente 20% das gravidezes ocorrem durante essa fase.

2. Ciclo menstrual alinhado — Verdade

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)

Dizem por aí que se duas mulheres passarem muito tempo juntas terão seus ciclos menstruais alinhados. Isso é verdade? É! Além de alguns fatores externos que contribuem para esse fenômeno, algumas respostas do organismo podem colaborar para que ocorra um alinhamento da produção hormonal feminina quando dividem o mesmo espaço. Isso faz que haja uma sincronização do ciclo menstrual de forma natural e espontânea.

3. Usar anticoncepcional de forma constante faz mal à saúde — Mito

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)

O uso de medicamentos anticoncepcionais de forma contínua não representa necessariamente um malefício ou benefício ao organismo. Na verdade, a influência desses remédios no corpo humano é inclusive similar aos outros de uso pontual, até mesmo os prós e os contras. No entanto, o recomendado é sempre buscar uma consultoria médica para determinar a dosagem correta e acompanhar a eficiência da medicação a longo prazo.

4. As chances de engravidar diminuem depois dos 30 — Verdade

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)

É verdade que após os 30 anos, e principalmente após os 35 anos, as mulheres sofrem uma redução no potencial reprodutivo. Depois dos 40 anos, esse declínio se acentua ainda mais, e as taxas de aborto espontâneo também crescem. Esse é um fato biológico que tem sido estudado pela ciência há anos. Estudos estimam que a chance de gravidez por mês para mulheres abaixo de 30 anos é de 20% enquanto permanece em 5% para mulheres acima dos 40.

5. Andar descalço estimula a cólica — Mito

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)

Por mais que muitas mulheres acreditem que deixar os pés descalços em contato com o chão gelado possa aumentar as cólicas, ainda não há nada comprovado sobre essa informação. De alguma forma, é possível que a temperatura baixa gere algum grau de desconforto para quem já está sentindo alguma dor. Porém, isso não quer dizer que esse seja o fator causador do desconforto inicial. Sendo assim, correlação não implica causalidade.

6. A menopausa diminui o desejo sexual — Mito

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)

Um discurso popular é que as mulheres que entram na menopausa simplesmente perdem o desejo sexual sem motivo algum. Porém, isso está longe de ser verdade. O que ocorre nesse período é que o corpo passa a sofrer diversas alterações hormonais e constante calor gerados por essas variações, o que pode diminuir a libido, mas isso pode ser resolvido com um tratamento de reposição hormonal. Então, mulheres na menopausa que buscam auxílio médico para repor seus hormônios podem retomar o mesmo desejo sexual que tinham antes. 

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.