6 fatos impressionantes sobre armas antigas

Ao longo da história da humanidade, diversos conflitos armados ocorreram e marcaram época em gerações diferentes. Porém, antes de chegar até a tecnologia armamentista existente nos dias de hoje, as guerras eram feitas com artefatos mais rústicos e brutos. Pensando nisso, nós separamos uma lista com algumas curiosidades interessantes sobre as armas de antigamente!

1. Espada de Goujian

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

A Espada de Goujian é um artefato arqueológico descoberto em 1965, na província de Hubei, na China, com propriedades bastante interessantes. Datada para mais de 2 mil anos, a espada foi encontrada em estado impecável e extremamente afiada para sua idade. 

De acordo com os pesquisadores, sua composição única feita de cobre foi o que a manteve intacta aos efeitos do tempo.

2. Armamento asteca

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

Os astecas eram um povo bastante inovador na arte da guerra. Relatos históricos mostram que a cultura mesoamericana utilizada espadas de obsidiana chamadas "macuahuitl" para lutar. Estima-se que estes artefatos podiam decapitar um cavalo com um único golpe.

3. Arcos medievais

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

Os arcos longos ingleses medievais eram ferramentas de ataque bastante poderosas. Usando esse armamento, era possível atirar uma flecha por uma distância de até 300 metros. A força necessária para manejá-los era tão grande que os esqueletos de arqueiros medievais podem ser identificados apenas através da disparidade de tamanho do braço esquerdo.

4. Fogo grego

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

Durante o século 7, o Império Bizantino utilizava o fogo grego como um tipo de armamento incendiário implementando em navios. O armamento era colocado em tubos portáteis, funcionava de maneira semelhante aos lança-chamas atuais e não podia ser apagado pela água. Até os dias de hoje, não se sabe exatamente qual era a composição química exata utilizada para fazê-lo funcionar. 

5. Porcos de guerra

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)

No passado, era bastante comum que exércitos utilizassem animais como parte de suas tropas. Os romanos, por exemplo, possuíam porcos de guerra para auxiliá-los em campo de batalha. Acredita-se que os guinchos dos suínos amedrontavam elefantes de guerra inimigos, que fugiam e atropelavam seu próprio exército.

6. Espadas negras

(Fonte: Levy Leiloeiro)(Fonte: Levy Leiloeiro)

Na Era do Descobrimento, que durou entre o século 15 e o século 17, os soldados portugueses usavam espadas de ferro pretas para evitar entregarem seu posicionamento para os inimigos. Por suas propriedades, esses artefatos não refletiam a luz solar e também não enferrujavam quando colocadas em contato com a água salgada.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.