Seja o primeiro a compartilhar

As 10 séries de livros mais vendidas de todos os tempos (até abril de 2021)

Nas últimas décadas, as séries de livros ganharam uma grande visibilidade no cenário cultural, e a categoria literária se destacou ao reunir comunidades gigantescas de fãs e entusiastas por todo o mundo. Por possuírem mais volumes do que textos one-shot, essas sagas foram capazes de trazer narrativas mais densas, personagens mais complexos e abordagens bem detalhadas, possibilitando uma exploração quase total de universos ficcionais criativos e particulares.

Confira abaixo as dez sagas de livros mais vendidas na história, segundo registros oficiais.

1. Harry Potter, de J.K. Rowling (450 milhões de cópias vendidas)

(Fonte: Rocco / Reprodução)(Fonte: Rocco / Reprodução)

Com quase uma dezena de livros entre canônicos e spin-offs, a saga de J.K. Rowling conquistou o mundo ao apresentar a história do bruxo Harry Potter, um jovem amaldiçoado em sua infância e predestinado a salvar o mundo mágico.

2. Goosebumps, de R.L. Stein (300 milhões de cópias vendidas)

(Fonte: Fundamento / Reprodução)(Fonte: Fundamento / Reprodução)

Goosebumps é uma antologia de contos de terror e suspense com leves tons infanto-juvenis, trazendo aventuras inesquecíveis em meio a monstros, criaturas lendárias, entidades sobrenaturais e outros seres macabros.

3. Perry Mason, de Erle Stanley Gardner (300 milhões de cópias vendidas)

(Fonte: Amazon / Reprodução)(Fonte: Amazon / Reprodução)

Perry Mason foi um dos maiores nomes da investigação criminal fictícia na segunda metade do século XX, e o advogado está envolvido em mais de 80 histórias únicas onde defende seus clientes de acusações de assassinato.

4. Berenstain Bears, de Stan e Jan Berenstain (260 milhões de cópias vendidas)

(Fonte: Beginner Books / Reprodução)(Fonte: Beginner Books / Reprodução)

Berenstein Bears é uma franquia de livros que conta as histórias vivenciadas por uma família de ursos com características humanas, sempre indicando lições de moral importantes ou sugestões de melhoria da segurança com as crianças e parentes.

5. Escolha Sua Aventura, de vários autores (250 milhões de cópias vendidas)

(Fonte: Choose Your Own Adventure / Reprodução)(Fonte: Choose Your Own Adventure / Reprodução)

Escolha Sua Aventura trouxe conceitos de RPG de mesa para uma série de livros interativos onde o leitor determina o curso das narrativas. Entre elas, encontram-se dezenas de obras fantasiosas com muita ação, mistério, aventuras e tudo que os fãs de ficção mais gostam.

6. Sweet Valley High, de Francine Pascal (250 milhões de cópias vendidas)

(Fonte: Random House Books / Reprodução)(Fonte: Random House Books / Reprodução)

Sweet Valley High, clássico romance serial de bancas de jornais, relata a vida de duas gêmeas idênticas através de inúmeras histórias cotidianas, apresentadas por temas como amor, primeiras paixões, família, amizades, escola e outros.

7. Noddy, de Enid Blyton (200 milhões de cópias vendidas)

(Fonte: Amazon / Reprodução)(Fonte: Amazon / Reprodução)

Noddy, uma criança feita de madeira que vive na cidade de Toyland, foi a melhor retratação fictícia de um boneco "bubblehead" já publicada no universo literário, e obteve um grande sucesso com narrativas leves, divertidas e cheias de personagens icônicos.

8. Nancy Drew, de Carolyn Keene (200 milhões de cópias vendidas)

(Fonte: Grosset & Dunlap / Reprodução)(Fonte: Grosset & Dunlap / Reprodução)

A detetive Nancy Drew apareceu pela primeira vez em um livro durante o ano de 1930, e foi uma das personagens femininas mais influentes para mulheres que trabalham na área criminal. Até hoje, seu nome é citado por juízas e políticas, sendo tratada como uma heroína da literatura.

9. Thomas e Seus Amigos, de W. Awdry (200 milhões de cópias vendidas)

(Fonte: Egmont / Reprodução)(Fonte: Egmont / Reprodução)

O popular Thomas, o Trem, surgiu na literatura pelas mãos de W. Awdry, ganhando histórias super leves onde vive aventuras e passa o tempo brincando com seus amigos na ilha de Sodor.

10. San-Antonio, de Frédéric Dard (200 milhões de cópias vendidas)

(Fonte: Lisez / Reprodução)(Fonte: Lisez / Reprodução)

A série San-Antonio incluiu uma espécie de 007 francês na literatura, que trabalhava para o serviço secreto e era escalado para realizar missões consideradas impossíveis. O herói ganhou cerca de 170 livros, onde era introduzido em meio à muita ação e tramas conspiratórias.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.