Disney World no Brasil: em 1961, JK quase tornou isso possível

Não é de hoje que existe a vontade de alguns em ter um Walt Disney World no Brasil, visto que existem parques fora do complexo de Orlando e da Califórnia, como em Paris e Hong Kong. Além disso, ouvimos falar direto a notícia de que algum órgão está em negociação para isso.

Contudo, em fevereiro de 2019, o então governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, declarou para a imprensa que estaria em negociação com Francis Xavier Suarez, prefeito de Miami, para tornar possível esse sonho dos brasileiros.

Por outro lado, ao ser procurada pela mídia, a assessoria do Walt Disney World declarou: “A Disney está sempre buscando caminhos para expandir seus negócios e, como parte desse processo, conversa com diferentes entidades. Embora o Brasil seja um mercado atrativo, no momento não há planos para a construção de parques na região”.

(Fonte: G1 Globo/Reprodução)(Fonte: G1 Globo/Reprodução)

Ainda assim, o pronunciamento da empresa não abalou Witzel, que seguiu falando sobre o assunto e alegando que os representantes da Disney estavam "menos refratários" à ideia de criar um parque de diversão do grupo no Rio de Janeiro do que nas negociações anteriores. Ele, inclusive, disse que havia-se encontrado com representantes do setor de turismo no hotel Copacabana Palace. Então,  não demorou muito para que o assunto se dissipasse como uma esperança de milhares de brasileiros em conhecer pessoalmente o Mickey Mouse.

Sonho antigo

(Fonte: Correio de Carrajás/Reprodução)(Fonte: Correio de Carrajás/Reprodução)

Apesar disso tudo, a história de trazer o complexo Disney para o Brasil — e suas promessas — não é algo novo. Foi em 1961 que os brasileiros chegaram perto disso acontecer, quando Juscelino Kubitschek e o próprio Walt Disney sentaram para negociar a vinda do Mickey Mouse para o nosso país, em uma época em que o Walt Disney World ainda não era um imenso resort.

No final da década de 1950, com o sucesso estrondoso do primeiro parque construído na Califórnia, Walt Disney procurava expandir seu empreendimento para outros lugares, e foi assim que ele chegou no sonho de JK de construir uma Disneylândia no Brasil.

Naquela época, Brasília ainda estava sendo construída, portanto, havia amplas terras que ainda precisavam ser exploradas, tornando perfeito o desenvolvimento de um parque no coração do país.

(Fonte: Pinterest/Reprodução)(Fonte: Pinterest/Reprodução)

O ex-presidente chegou a ir com sua família até a Califórnia para conhecer o funcionamento do parque, enquanto estava fazendo os acordos com o governo dos Estados Unidos e o criador do empreendimento.

Contudo, tudo falhou quando a Disney estabeleceu suas condições: o local onde seria construído o parque deveria ter um sistema tributário próprio, regulando licenças e impostos. Em adição a isso, as leis de fiscalização brasileiras seriam totalmente ignoradas, ou seja, a construção se tornou um péssimo negócio para o Brasil.

Diante disso, Juscelino discordou, encerrando as negociações entre ele e o grande empresário. O segundo parque foi inaugurado em Orlando, na Flórida, e se tornou a emblemática imagem do entretenimento mundial que atrai milhares de pessoas por ano.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.