Compostos essenciais para a vida são detectados em lua de Saturno

Compostos essenciais para a vida são detectados em lua de Saturno

Último Vídeo

Traços de um composto orgânico essencial para a vida foram encontrados em Encélado, uma das luas de Saturno. A descoberta foi feita após a análise de dados enviados pela sonda Cassini, da NASA, e está em um estudo assinado por pesquisadores da agência, publicado recentemente no periódico Royal Astronomical Society.

(Fonte: Wikimedia Commons/NASA)

De acordo com os cientistas, as mesmas moléculas orgânicas já haviam sido detectadas no oceano abaixo da crosta de Encélado em outras oportunidades, mas não como agora. Trata-se de material capaz de transportar oxigênio e nitrogênio, fundamentais na produção de aminoácidos — moléculas complexas essenciais para a construção das proteínas — sem as quais não existiria vida na Terra como a conhecemos.

Esta é a primeira vez que tais compostos são encontrados dissolvidos na água em vez de congelados. Isso leva a crer que eles podem sofrer reações químicas no fundo do mar, resultando na produção de aminoácidos, segundo relatou Frank Postberg, um dos autores da pesquisa, em comunicado divulgado pela NASA.

A importância da descoberta na lua de Saturno

Sexta maior lua de Saturno, Encélado pode ser um local promissor para a vida fora da Terra, fato corroborado por esta nova descoberta. Conforme Nozair Khawaja, outro participante do estudo, as moléculas que saem do oceano de Encélado podem estar no mesmo caminho da reação que temos na Terra.

(Fonte: NASA/Reprodução)

Ele também cita que a ciência ainda não sabe se os aminoácidos são essenciais para a vida no espaço como o são na Terra, mas ressalta que encontrar as moléculas que os formam na lua congelada foi “uma importante peça do quebra-cabeça”.

A detecção ocorreu após um longo processo. Primeiro, os compostos se dissolveram no oceano profundo de Encélado e posteriormente evaporaram. Em seguida, eles condensaram e congelaram, formando grãos de gelo nas fraturas da crosta da lua. Ao jorrarem para a atmosfera, foram localizados pela sonda Cassini. 

A missão Cassini

Lançada em 1997, a missão Cassini explorou Saturno e suas luas durante vários anos. Em setembro de 2017 ela foi finalizada, com a sonda colocada em trajetória de impacto com o planeta, para evitar a contaminação de Encélado ou Titã, caso ela despencasse em uma das luas consideradas aptas a abrigar vida.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.