Deu zebra: vacas listradas recebem 50% menos picadas de mosquitos

Deu zebra: vacas listradas recebem 50% menos picadas de mosquitos

Último Vídeo

Cientistas resolveram fazer um experimento um tanto quanto engenhoso ao pintar com listras algumas vacas pretas japonesas, deixando-as semelhantes a zebras. O estudo foi feito com o intuito de proteger os animais das picadas de moscas, além de diminuir o uso de pesticidas tóxicos. Além de deixar as mimosas mais à vontade, o experimento tem como objetivo gerar economia aos agricultores.

O responsável pela ideia criativa foi o pesquisador Tomoki Kojima, da Divisão de Criação de Animais no Centro de Pesquisa Agrícola de Aichi, no Japão. Veja a foto da vaca listrada:

Animal foi pintado com tinta não tóxica. (Fonte: plos.org)

De acordo com os pesquisadores, as listras foram fundamentais para repelir consideravelmente o ataque das pragas. Quando comparada com as demais vacas, o híbrido vaca-zebra teve 50% menos mordidas de moscas. Além disso, a descoberta mostra que os pesticidas podem não ser tão eficazes quanto as tintas não tóxicas que transformam os animais em zebras temporárias.

Como surgiu a ideia da 'vaca-zebra'?

Em entrevista para o site Bored Panda, Tomoki Kojima explicou que teve a ideia de listrar as vacas ao assistir um programa de TV japonês há 5 anos. O programa introduzia as listras de zebras como forma de camuflagem — teoria já estudada por muitos cientistas. Após ler vários artigos sobre o assunto, Kojima decidiu então testar o método nas mimosas. 

Ainda segundo o pesquisador, o principal empecilho para colocar o estudo em prática foi a aceitação de seus colegas cientistas, que pensaram ser uma piada a princípio. E aí, acha que a moda pega aqui no Brasil?

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.