Novo animal chamado “porco do mofo” é descoberto por cientistas

Novo animal chamado “porco do mofo” é descoberto por cientistas

Último Vídeo

Cientistas vivem de descobertas, mas um animal que viveu há milhões de anos confundiu especialistas porque não se encaixa em nenhuma categoria animal atual. Segundo os cientistas, que publicaram a recente descoberta na revista Invertebrade Biology, o animal é minúsculo, não mede mais do que a largura de um cabelo humano e é tão “bizarro” que não pode ser comparado a nenhum outro grupo animal conhecido.

Chamado de “porco do mofo”, ele tinha uma dieta, como o apelido sugere, baseada em mofo e tinha uma aparência sombria e semelhante a um minúsculo suíno. Os pesquisadores da Universidade Estadual do Oregon dizem que o animal tem aproximadamente um décimo de milímetro de comprimento, possui uma cabeça flexível e quatro pares de pernas.

O “porco do mofo” tem características parecidas com as de ácaros e tardígrados — pequenos monstros de apenas milímetros. Apesar das semelhanças, o animal é tão diferente de tudo que se conhece que foi listado como um novo gênero em uma família única.

O animal foi apelidado de "porco do mofo" por causa de sua aparência similar. (Fonte: Oregon State University)

O cientista George Poinar explica que não é incomum encontrar invertebrados fósseis pequenos, frágeis e desconhecidos. Desta vez, os cientistas encontraram um fragmento do habitat original de milhões de anos preservado. “Os porcos do mofo não podem ser colocados em nenhum grupo de invertebrados atualmente existentes. Eles compartilham características com os tardígrados e ácaros, mas claramente não pertencem a nenhum grupo", ressalta.

O porco do mofo viveu 30 milhões de anos depois dos dinossauros, mas os cientistas não sabem de onde veio, para onde foi ou se ainda estão por aqui. “Não sabemos quando a linhagem deles se originou, quanto tempo durou ou se há descendentes vivendo hoje”, diz Poinar.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.