Mar das Filipinas é o que mais gera dióxido de carbono

Mar das Filipinas é o que mais gera dióxido de carbono

Último Vídeo

O mar na região da península de Calumpan, nas Filipinas, apresentou uma anomalia muito curiosa: estudiosos americanos foram até o local para analisar e, agora, o lugar é conhecido por apresentar águas submarinas borbulhantes. Tudo isso graças a grandes concentrações de dióxido de carbono (CO2) na região.

A área onde acontece o fenômeno é chamada de Passagem da Ilha Verde e fica entre as ilhas de Luzon e Mindoro. As águas do oceano na região de Calumpan são conhecidas por abrigar os recifes de maior biodiversidade do mundo, contendo vários animais dentro dos corais. O local onde foram encontrados os gases foi batizado de Soda Springs, em referência às bolhas.

Península de Calumpan, nas Filipinas. (Fonte: Matthew Laird Acred/Assisbiz/Reprodução)

A pesquisa

Um artigo publicado no periódico Geophysical Research Letters apresenta e explica o fenômeno encontrado. A pesquisa foi feita pela professora Bayani Cárdenas, que é da Faculdade de Geociências, da Universidade do Texas. Ela recebeu a ajuda de vários colaboradores e, juntos, foram os responsáveis por rastrear as bolhas de dióxido de carbono.

A causa das bolhas

O fundo do mar desta região das Filipinas contém concentrações de dióxido de carbono de até 95 mil ppm (partes por milhão). O número encontrado é 200 vezes maior que a concentração do CO2 na atmosfera terrestre. Segundo a pesquisa feita por Bayani e seus colegas, a concentração é decorrente de uma descarga de gases vulcânicos.

Portanto, a emissão está ligada a algum vulcão próximo do local. De acordo com a professora Cárdenas, o fenômeno não é nem um pouco preocupante, visto que ele deve estar acontecendo, na região, há décadas ou, até, milênios.

O nível de dióxido de carbono se dissipa rapidamente na medida em que os gases são jogados no oceano. As nascentes da região também misturam as águas produzidas no subterrâneo do mar com águas com baixo índice de CO2. Entretanto, a produção do dióxido de carbono ainda é muito elevada, deixando a costa da península de Calumpan com níveis de concentração de CO2 entre 400 ppm e 600 ppm.

Confira abaixo um vídeo feito do fenômeno de Soda Springs, nas Filipinas.  A produção foi dos pesquisadores da Universidade do Texas:

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.