Relíquia romana de US$ 20 mil é achada em jardim por acaso

Uma placa de mármore sem graça de 63 cm, usada por uma mulher do vilarejo de Whiteparish, na Inglaterra, como suporte para montaria, revelou-se como uma rara escultura da Roma Antiga do século II d.C,, avaliada em US$ 20,4 mil, cerca de R$ 110 mil.

Segundo o site Live Science, uma análise feita por especialistas em uma camada que ficava escondida sob uma camada de lama confirmou a datação da peça. O estilo da escultura mostrou que ela provavelmente teve origem fora da Inglaterra, tendo sido feita na Grécia ou na Turquia, regiões que estavam sob controle romano, assim como todas as áreas compreendidas entre a Grã-Bretanha e o Egito no ano 100 d.C.

Fonte: Woolley & Wallis/Reprodução
O jardim em Whiteparish (Fonte: Woolley & Wallis/Reprodução)

A descoberta do tesouro arqueológico ocorreu por acaso, quando a usuária da pequena laje estava fazendo uma faxina em seu jardim, e notou uma coroa de louros, um motivo romano clássico, esculpida na superfície da pedra, e que havia ficado por anos encoberto pela lama.

O significado da escultura romana

Fonte: Woolley & Wallis/Reprodução
Fonte: Woolley & Wallis/Reprodução

Curiosa com as inscrições na laje, a inglesa resolveu procurar a orientação de um arqueólogo local para examinar o objeto. Apesar dos desgastes da pedra, o especialista conseguiu ler uma inscrição: “o povo [e] os Rapazes [honram] Demetrius [filho] de Metrodorus [o filho] de Leukios”.

De acordo com o periódico grego Greek City Times, que também noticiou o evento, o nome Demetrius tem origem grega, enquanto Metrodorus significa “presente da mãe” e Leukos significa “branco”, claro ou brilhante. Porém, o significado exato da inscrição ainda não ficou totalmente claro.

Fonte: Woolley & Wallis/Reprodução
Fonte: Woolley & Wallis/Reprodução

Quem se interessar pela relíquia romana, pode entrar no site da casa de leilões Wooley & Wallis de Salisbury, na Inglaterra, e apresentar seu lance para a peça que, segundo os leiloeiros, pode ter sido trazido para o Reino Unido por um rico aristocrata que comprou a escultura em uma viagem à Europa continental há três séculos.

Embora não se tenha ideia do valor dessa transação inicial, o artefato deverá ser vendido no leilão atual por um lance em torno de US$ 20 mil (R$ 108,3 mil). 

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.