Seja o primeiro a compartilhar

6 curiosidades sobre cocô que você não sabia

Fazer cocô não é uma novidade para nenhum ser humano, tampouco para qualquer outro ser vivo encontrado na natureza. Mesmo assim, isso não faz com que esse seja um ato menos surpreendente ou até mesmo nojento. E é sobre as curiosidades dessa necessidade fisiológica que falaremos hoje.

Confira só 6 fatos bizarros que envolvem os mais variados tipos de cocô!

1. Defecar nos pais

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)

Acredite se quiser, mas boa parte dos passarinhos possuem o hábito de defecar na cara de seus pais quando são filhotes. Nessa época, os bebês pássaros viram o traseiro na direção do bico das aves mais velhas para que elas possam digerir o excremento ou levá-lo para longe do ninho. Delícia, hein?

2. Comendo cocô dos outros

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)

Se as aves possuem defecar no bico dos seus pais, os coelhos fazem mais ou menos o processo inverso. Em alguns casos, os filhotes de coelho costumam comer o cocô de seus pais por questões de saúde. Certas bactérias só são formadas no trato digestivo dos adultos e se alimentar dessas fezes é uma maneira dos coelhos se manterem saudáveis na fase de crescimento.

3. Transformando cocô em papel

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)

Os pandas são animais que chegam a produzir cerca de 10 kg de cocô por dia, o que pode se tornar um verdadeiro problema para os zoológicos. Uma das formas encontradas por biólogos para evitar os gastos para se livrar dessas fezes foi transformar a alta quantidade de fibras em papel e depois vendê-lo.

Já pensou em ter um caderno feito de cocô de panda?

4. Cocô assassino

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)

Uma manada de hipopótamos pode fazer um verdadeiro estrago com as suas fezes combinadas. Segundo pesquisadores da Tanzânia, uma população de 4 mil hipopótamos despeja 8,5 toneladas de cocô em um único dia pelos rios do país.

Em épocas de secas, esses dejetos se acumular no fundo da água e começam a liberar substâncias tóxicas através do calor. Isso contamina o líquido e produz bactérias que roubam o oxigênio utilizado pelos peixes para sobreviver, gerando um verdadeiro massacre.

5. Excremento quadrado

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

De todos os formatos possíveis para se fazer cocô, os vombates são as únicas criaturas no mundo a produzir dejetos em formato de cubo. Além disso, os marsupiais utilizam suas fezes para demarcar território e se comunicar com outros membros da espécie. Loucura!

6. Distanciamento social

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

Se os vombates utilizam as fezes para socializar, o cocô dos mandrils serve de alerta para que o restante do grupo saiba de quem ficar longe. Esses primatas andam em largos grupos, mas podem ser contaminados por parasitar que alteram os odores corporais.

Então, se um mandril notar que algum membro do grupo está com uma essência diferente, ele avisará o restante para iniciar distanciamento social. 


Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.