Seja o primeiro a compartilhar

Superlua Rosa: o que é o fenômeno e como observá-lo?

Na noite desta segunda-feira (26), um belo espetáculo promete tomar conta do céu e encantar os apaixonados pela astronomia. Trata-se da Superlua, a primeira Lua cheia de 2021, que estará visível em todo o Brasil.

O aguardado fenômeno acontece quando o satélite natural está no seu perigeu, ou seja, o ponto de maior aproximação com a Terra. Neste ponto, ela parece até 15% maior em relação ao seu tamanho normal e também 30% mais brilhante do que o convencional.

Essa aproximação em relação ao nosso planeta pode ocorrer em qualquer uma das fases da Lua, mas quando ela acontece na Lua cheia é conhecida como Superlua, termo criado no final dos anos 1970 e popular entre os astrólogos, enquanto os astrônomos não costumam utilizá-lo, preferindo a expressão “Lua no perigeu”.

(Fonte: Unsplash)(Fonte: Unsplash)

Outro termo cuja origem não tem a ver com a astronomia é “Superlua Rosa”. O fenômeno é chamado assim por alguns nativos da América do Norte quando a Lua cheia acontece em abril, marcando a chegada da primavera no hemisfério Norte após o inverno rigoroso. Assim, a expressão não tem a ver com a cor do corpo celeste e sim com uma tradição cultural.

Como observar a Superlua Rosa?

A Superlua de 26 de abril poderá ser observada a partir das 18h, aproximadamente (o horário pode variar conforme o pôr do Sol na sua região), ficando visível durante toda a noite, desde que o céu esteja limpo. Não é preciso usar binóculos nem telescópio para visualizar o fenômeno, mas eles podem exibir imagens mais belas do satélite natural.

O melhor horário para observar a Lua cheia com variações de tonalidade e um tamanho aparentemente maior é na primeira hora após o nascer, quando ela está mais próxima ao horizonte — é nesse momento que também podemos registrar fotos usando casas, prédios e árvores como pano de fundo.

(Fonte: Unsplash)(Fonte: Unsplash)

Apps como Star Chart e Stellarium são ótimos para ajudar a localizar o satélite natural no céu, se você tiver alguma dificuldade, e também podem indicar o horário do nascer da Lua na sua cidade.

Caso você não consiga observar a Superlua desta noite, por causa do tempo nublado ou devido a outro motivo, terá mais uma oportunidade no próximo dia 26 de maio.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.