Seja o primeiro a compartilhar

5 tipos de cebola diferentes e como usá-las na cozinha

Presentes nas cozinhas ao redor do mundo todo, os alimentos do gênero Allium são peças fundamentais em diversas receitas. Dentro desse grupo estão ingredientes como o alho, o alho-poró e a cebolinha. Porém, as que mais se destacam e também são as mais diversas são as cebolas.

Essa hortaliça construída em várias camadas dentro de uma casca possui várias formas, cores, tamanhos e formas, sem contar que nem sempre podem substituir as outras. Pensando nisso, nós separamos uma lista com cinco tipos de cebola diferentes e qual a melhor forma de usá-las na cozinha. Olha só!

Leia também: Aprenda a melhor maneira de cortar ou picar 9 vegetais

1. Cebola roxa

(Fonte: Shutterstock)(Fonte: Shutterstock)

As cebolas roxas são artefatos muito valorizados na cozinha por sua aparência e sabor. Ao descascarmos sua pele mais avermelhada, encontraremos uma hortaliça com uma camada exterior bem arroxeada e camadas de roxo e branco pelo interior. Por ser o tipo de cebola mais doce entre todas, é também a favorita por aqueles que gostam de comê-las cru.

Cebolas roxas aparecem frequentemente cortadas em rodelas e colocadas junto às saladas, cortadas em cubos e colocadas no atum, em receitas de ceviche ou nos tradicionais hambúrgueres. E mesmo que sejam saborosas naturalmente, não tenha medo de grelhá-las. 

2. Cebola amarela

(Fonte: Shutterstock)(Fonte: Shutterstock)

Definitivamente a mais comum entre todas as cebolas, a cebola amarela é bem provável a opção que você encontrará no supermercado do seu bairro. Esse é o tipo de cebola que usamos em praticamente todas as receitas, tradicionais por sua pele marrom e polpa branca.

Por serem tão versáteis, tornaram-se a cebola mais cultivada no mundo todo. Então, se você está querendo saber como agregá-la em seus pratos, é tudo bem simples: você pode cortá-las, refogá-las, adicioná-las em sopas, molhos, refogados, carnes e por aí vai. 

3. Cebola doce

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

Bem parecidas com as cebolas amarelas, as cebolas doces são uma iguaria bastante interessante. Elas são maiores do que as cebolas amarelas, porém com coloração um pouquinho mais clara. Seu sabor doce e suave também faz com que sejam ótimas para serem apreciadas cru.

Em outras receitas, você também pode mergulhá-las em massa e fritá-las como anéis de cebola. Ela passou a ser produzida através do cruzamento das cebolas mais doces de cada safra entre produtores dos Estados Unidos — não à toa angariou esse nome.

4. Cebola branca

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

As cebolas brancas conseguem se diferenciar de suas familiares por meio de sua pele e interior extremamente branco. Seu sabor não chega nem perto de ser tão forte e marcante quanto as cebolas amarelas, mas podem servir como alternativa para esse produto na maioria dos casos.

Seu sabor suave também significa que pode ser servida cru, apesar de não ser exatamente sua especialidade. Esse é o tipo de cebola que você costuma ver picada em cubos no vinagrete, em cachorro-quente ou em outras receitas semelhantes. Logo, também oferecem uma diversidade bem grande quando o assunto é quais receitas podem participar.

5. Cebola Cipollini

(Fonte: Shutterstock)(Fonte: Shutterstock)

Você já ouviu falar nas cebolas cipollini? Em italiano, esse nome literalmente quer dizer "pequenas cebolas". E isso é exatamente o que elas são! Essas versões são bem mais difíceis de encontrar nos supermercados do que os outros produtos listados aqui nessa lista, mas não são impossíveis de encontrar.

Elas são bem semelhantes às cebolas amarelas, só que em uma versão encolhida e achatada em uma forma um pouco mais robusta. Dependendo da forma que olhamos, elas parecem um peão de brinquedo antigo. Seu tamanho pequeno e sabor doce a torna uma opção popular para assar e comer inteira em um churrasco. 

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.