Após amputação, jovem promove ação sobre o uso de absorvente interno
23
Compartilhamentos

Após amputação, jovem promove ação sobre o uso de absorvente interno

Último Vídeo

Uma jovem americana de Los Angeles, na Califórnia, está encabeçando uma campanha de conscientização para o uso de absorventes íntimos internos entre as mulheres. A ação foi motivada por um problema que a modelo Lauren Wasser, a responsável pela empreitada, teve ao fazer uso desse tipo de produto.

Quando tinha 24 anos, Wasser precisou ser submetida a uma cirurgia para amputação de sua perna direita e quase chegou a morrer após utilizar absorventes internos durante alguns dias. A complicação ocorreu em função de uma doença conhecida como Síndrome do Choque Tóxico (SCT), na qual bactérias presentes no corpo humano encontram um ambiente favorável à proliferação. Os sintomas são graves e podem incluir febre, dores musculares, cansaço, alucinações, tontura, náusea, vômito e diarreia.

O drama de Lauren começou em uma manhã após uma festa na casa de amigos. No dia anterior, a jovem utilizou esse tipo de absorvente e fez duas trocas ao longo do dia, respeitando as orientações presentes na embalagem. A modelo chegou a pensar que estava começando a ter uma gripe quando alguns dos sintomas iniciaram, então acabou não se preocupando e seguiu com o uso do produto.

Quando chegou à festa, a jovem foi alertada de que não aparentava estar muito legal e de fato ela não se sentia bem, pois estava cansada e não tinha forças nem para se levantar. Em seguida ela decidiu ir para casa repousar e então, de acordo com o que disse ao site Vice, ela se lembra somente de ser acordada pela chegada da polícia, que atendeu ao chamado de sua mãe.

Lauren também lembra que, quando acordou, sua mãe a colocou a par dos fatos e disse que não a encontrava, por isso acionou os policiais que a acharam caída no banheiro, inconsciente. Em seguida, mãe e filha foram até um hospital onde foi constatada a SCT, depois de os médicos verificarem a gravidade da situação, na qual a jovem estaria à beira da morte por um ataque do coração ou falência dos órgãos.

O estado era tão grave que os médicos resolveram colocar a modelo em coma induzido e alguns conhecidos e parentes da jovem foram até o hospital aguardando pela pior notícia. Mesmo conseguindo escapar com vida, Lauren sofreu um grande baque quando acordou. Suas pernas estavam necrosando e precisariam ser amputadas. Por um milagre, a jovem conseguiu que os médicos encontrassem uma alternativa para que ela não perdesse a perna esquerda e somente a direita foi cortada.

Agora, passado o maior sofrimento, Lauren está batalhando para evitar que novos casos dessa infecção aconteçam pelo uso de absorventes internos. A jovem está processando a empresa responsável pela marca de absorventes que estava utilizando e tenta ações junto ao Congresso para que haja um reforço nos avisos das embalagens sobre os danos à saúde que o material presente no produto pode causar. “É como o caso do cigarro. Os malefícios são amplamente divulgados e, a par disso, cabe a cada um decidir usar. Se eu soubesse o quão mal poderia me fazer esse produto, jamais iria usá-lo”, declarou.

Dificuldades e alternativa para recuperação

De acordo com o site Cosmopolitan, Lauren contou que tem encontrado sérias dificuldades para se adaptar ao novo corpo. Antes de passar pelo problema, a jovem chegou a abrir mão de uma oportunidade de ser jogadora de basquete para seguir a carreira de modelo. “Eu chorava tomando banho em um banquinho e sabendo que teria de sair dali e pegar minha cadeira de rodas. Isso acaba com você. Você vive a vida inteira pensando ‘sou uma atleta’ ou ‘sou uma menina bonita’ e não tem ideia do que pode acontecer. Esse é um problema que não tem mais volta.”

Uma das coisas que tem ajudado a jovem a se recuperar é a sessão de fotos promovida por sua namorada, Jennifer Rovero. Ela é fotógrafa profissional e tem registrado os momentos da recuperação como uma forma de apoiar e incentivar Lauren. No Instagram, elas mantêm a página “theimpossiblemuse” (a musa impossível) como um portfólio do trabalho como modelo.

I have to tell myself...I.am.possible.

Uma foto publicada por Lauren Wasser (@theimpossiblemuse) em

Via EmResumo.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.