Caçadores de tesouros buscam ouro perdido nas Filipinas

Caçadores de tesouros buscam ouro perdido nas Filipinas

Último Vídeo

Um grupo de exploradores responsável por escavações em ruínas nas Filipinas à procura do lendário tesouro da Lenda de Yamashita, escondido por um general durante a Segunda Grande Guerra Japonesa, está causando transtornos à população local, que vem reclamando bastante sobre a iminência de deslizamentos de terra por conta das atividades exploratórias.

Além disso, outro fato curioso é que a caça aos tesouros da lenda não possui comprovação de sua procedência, podendo ser apenas uma fábula que, na verdade, não esconde tesouro algum. "Pessoas estão gastando muito dinheiro e muito tempo e esforço procurando por coisas que possivelmente não estão lá", disse Piers Kelly, professor e antropologista da Universidade de Nova Inglaterra em Armindale, Austrália.

O caso entre a população de Igbaras, um distrito da ilha de Panay, e os exploradores que estão escavando à busca do tesouro de Yamashita já tornou-se um caso de autoridades, após diversos relatos da comunidade local sobre os riscos de desabamento em regiões próximas ao vilarejo, enquanto o grupo de caçadores afirma ter permissão legal para continuar as escavações, segundo havia sido noticiado no Panay News

As escavações realizadas, segundo habitantes de Igbaras, por 10 homens em uma área de 1 mil metros quadrados, vêm tornando-se preocupação constante para a população, que teme ter suas casas destruídas e soterradas, além do risco para a própria vida de amigos e familiares. Apesar dos exploradores confirmarem que estão em sua legalidade, o prefeito local, Jaime Esmeralda, garantiu que as autoridades não permitiram qualquer tipo de atividade de extração na região e irá recorrer ao Museu Nacional das Filipinas, solicitando uma investigação.

https://www.military-history.org/articles/great-commanders-yamashita.htm
General Tomoyuki Yamashita. (Fonte: Reprodução)

Piers Kelly comenta que a procura pelo tesouro enterrado do General Tomoyuki Yamashita, assim como outras atividades exploratórias na região, vêm causando sérios danos aos importantes sítios arqueológicos como a Caverna Ayub, na Ilha de Mindanao, segundo publicação na Archaeology Ethnology and Anthropology of Eurasia. "Os filipinos são realmente ricos e interessados em arqueologia, mas quando se trata de caça a tesouros, o que as pessoas têm em mente é quase uma ideia cartunesca sobre o que é o tesouro," diz o professor. "É muito folclórico."

Atualmente, as buscas pelo tesouro de Yamashita ainda continuam, mesmo sendo investigadas pelas autoridades locais. 

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.