Seja o primeiro a compartilhar

Artista cria grafites que interagem com a arquitetura urbana

A arte de rua é uma das tantas formas que um artista pode buscar para expressar a sua criatividade e é assim que Jamie Paul Scanlon, ou apenas JPS, tem chamado atenção para o seu trabalho. Através de grafites magníficos que se conectam com a paisagem as quais estão inseridos, o artista inglês têm exposto seu trabalho pelas paredes de edifícios na Inglaterra e na Noruega.

JPS é conhecido pela sua inteligência no posicionamento das pinturas, que utilizam de rachaduras no concreto ou de ervas daninhas que lá crescem para fazê-los interagir com a arquitetura local.

Infância complicada, mas artística

(Fonte: Jamie Paul Scanlon)
(Fonte: Jamie Paul Scanlon)

Nascido na cidade de Weston-Super-Mare, na costa do Reino Unido, JPS já mostrada toda sua criatividade desde cedo. Em entrevista para o portal Bored Panda, o grafiteiro disse ter aprendido tudo sobre desenho e grafite com seu pai, um grande incentivador da arte.

“Meu pai era muito talentoso e me ensinou desde cedo a desenhar. Infelizmente, ele era um alcoólatra e não era do tipo legal. Por isso, ele passou muito tempo na cadeia e faleceu quando eu tinha apenas 18 anos.”, descreveu sua infância.

(Fonte: Jamie Paul Scanlon)
(Fonte: Jamie Paul Scanlon)

Depois de conseguir ótimas notas no colégio e ganhar uma bolsa para estudar design gráfico na universidade, a faculdade decidiu cortar o incentivo quando JPS fez 19 anos. 

Sem dinheiro para seguir seu sonho e depois de vivenciar a morte de dois amigos nos anos seguintes, o artista caiu no mundo do álcool e das drogas, o que acabou lhe transformando em um morador de rua.

A salvação pelo grafite

(Fonte: Jamie Paul Scanlon)
(Fonte: Jamie Paul Scanlon)

Entretanto, uma visita ao Banksy Exhibition na cidade de Bristol no ano de 2009 serviu para colocar a vida de JPS de volta nos trilhos. Ao se ver rodeado pelos trabalhos de Banksy, Jamie decidiu que era hora de parar de desperdiçar seu talento e direcionar sua criatividade para a arte de rua.

Depois de buscar ajuda para alcançar a sobriedade, o artista passou a se aventurar com os grafites, que chamavam a atenção da internet por serem extremamente inusitados. 

Os desenhos usam de figuras da cultura pop a personagens de histórias de terror para brincar com a paisagem e mexer com a configuração urbano. E com muito trabalho duro, a arte salvou a vida do artista.

Confira outros trabalhos do artista:

(Fonte: Jamie Paul Scanlon)
(Fonte: Jamie Paul Scanlon)
(Fonte: Jamie Paul Scanlon)
(Fonte: Jamie Paul Scanlon)
(Fonte: Jamie Paul Scanlon)
(Fonte: Jamie Paul Scanlon)
(Fonte: Jamie Paul Scanlon)
Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.