4 fatos extraordinários sobre o clássico E.T. O Extraterrestre

Lançado originalmente em 1982, o longa-metragem E.T. O Extraterrestre, dirigido e produzido pelo icônico Steven Spielberg, marcou a história do cinema ao apresentar uma verdadeira revolução visual, que adicionada a uma narrativa emocionante e a um dos personagens mais cativantes de todos os tempos resultou em um símbolo não somente para o cinema, mas para a ciência e para a cultura em geral.

Conheça um pouco mais sobre o filme que venceu quatro estatuetas do Oscar e arrecadou quase R$ 4 bilhões em bilheteria mundial.

1. Três dubladores diferentes deram voz ao E.T.

(Fonte: Universal Studios / Reprodução)(Fonte: Universal Studios / Reprodução)

As barreiras em adaptar efeitos visuais e a busca de Steven Spielberg pela voz perfeita do E.T. levaram o diretor a testar três vozes para o alien. Durante as gravações, o próprio Spielberg tentou dar voz ao protagonista, mas acabou sendo substituído por Debra Winger e posteriormente por Pat Welsh, que devido aos seus problemas com cigarro e à voz áspera, acabou sendo contratado definitivamente para o corte final.

2. O E.T. era um fantoche em boa parte das cenas

(Fonte: Universal Studios / Reprodução)(Fonte: Universal Studios / Reprodução)

Durante as cenas em que aparecia "nu", o E.T. era um animatrônico, ou seja, um boneco robótico que era puxado por cabos. Seus gestos eram comandados pelo mímico Caprice Rothe, que colocava suas mãos nas luvas do personagem para adaptar movimentações de braços e dar mais realismo ao personagem.

3. Os doces favoritos do E.T. eram para ser M&M's

(Fonte: Universal Studios / Reprodução)(Fonte: Universal Studios / Reprodução)

Steven Spielberg desejava que os doces favoritos do E.T. fossem M&M's, mas problemas com a Mars Corporation, empresa-mãe da fabricante de chocolates, impediram de utilizar seus produtos. Assim, mediante um pagamento de US$ 1 milhão, a Hershey's viu a oportunidade perfeita para lançar seus chocolates Reese e acertou a parceria com a produtora do longa-metragem.

4. E.T. não tem sexo especificado

(Fonte: Universal Studios / Reprodução)(Fonte: Universal Studios / Reprodução)

Segundo os criadores do E.T., o extraterrestre possui cerca de 10 milhões de anos de vida, mas não tem gênero sexual específico. Em entrevista, Steven Spielberg comentou que o personagem foi criado para ser mais uma planta que um mamífero, e mais detalhes sobre a origem ou sobre a evolução da criatura espacial não foram revelados.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.