6 produtos que já estão fazendo 'hora extra' na sua despensa

A gente costuma prestar mais atenção na data de validade de coisas que ficam na geladeira e estragam rápido, como leite, queijo e ovos; já os itens que ficam no armário, como arroz e enlatados, podem ser esquecidos lá por meses e até anos. Tanto que, às vezes, a data de validade até se apaga da embalagem.

A verdade é que esse não é o único indicativo de que um produto está bom ou ruim para ser consumido. Pode até ser que ele tenha estragado na despensa. A seguir, a gente dá algumas dicas de conservação de seis produtos que podem estar estragando no seu armário.

1. Temperos em pó

Imagem: jcomp/Freepik(Fonte: jcomp/Freepik)

Temperos em pó, como páprica, noz-moscada e açafrão-da-terra, são campeões de validade, permanecendo próprios para consumo por mais de 3 anos. Mesmo se você usá-los após todo esse tempo, é improvável que façam mal. O único problema é que eles não vão dar gosto algum para sua comida, o que é o objetivo principal deles.

Sendo assim, dar uma cheirada para sentir o aroma e colocar um pouco do tempero na língua é o suficiente para saber se ele ainda está bom. 

2. Comida em lata

Imagem: Freepik(Fonte: Freepik)

Outra coisa que dura bastante, mesmo que a data de validade tenha passado um pouco: se a lata não estiver enferrujada ou estufada, pode botar para dentro! Estima-se que vegetais com pouca acidez, como o milho, possam ser consumidos em até 5 anos. Já comidas mais ácidas duram entre 1 ano e 1 ano e meio. O problema é que o conteúdo interage com a lata, deixando tudo com gosto metálico.

3. Oleaginosas

Imagem: Racool_studio/Freepik(Fonte: Racool_studio/Freepik)

Você já comprou um pacote de nozes, amêndoas ou castanhas quando estava tentando se alimentar melhor, mas daí esqueceu e continuou comendo porcaria? Eu já!

O pior é que as oleaginosas dificilmente continuam boas até a próxima tentativa de ser saudável. Isso porque, depois de algumas semanas, o óleo começa a ficar rançoso. Não é algo que faça mal à saúde, mas faz mal ao paladar, já que o sabor fica horrível.

Para verificar se suas castanhas ainda estão gostosas, procure manchas escuras de óleo e dê uma cheirada nelas. Para preservá-las por mais tempo, você pode guardá-las na geladeira, onde elas duram por alguns meses. 

4. Cereais

Imagem: master1305/Freepik(Fonte: master1305/Freepik)

Mesmo que você feche bem o pacote de cereal, o ar vai passar e ele vai ficar ruim em uns 3 meses; mas as caixas completamente fechadas, sem consumo, duram até 1 ano na despensa. Como cereal com leite de manhã é tão bom, fica difícil durar esse tempo todo fechado.

5. Chá e café

Imagem: Freepik(Fonte: Freepik)

Bebidas em folhas ou grãos, como chás e cafés, devem ser consumidas em cerca de 1 mês, para que os óleos presentes neles não fiquem rançosos e o sabor se torne horrível. As versões industrializadas duram mais: café solúvel pode ser guardado por uns 2 meses e chás em saquinhos, por até 1 ano.

6. Arroz integral

Imagem: Kamran Aydinov/Freepik(Fonte: Kamran Aydinov/Freepik)

Para terminar, você sabia que o arroz integral, apesar de ser mais saudável, dura menos que o arroz branco no armário? O problema são os óleos, novamente, que estão presentes nas casquinhas do grão, podendo ficar rançosos em cerca de 6 meses. Porém, se você guardar no freezer, ele dura até 1 ano.

Sendo bem sincero, com os preços altos que estamos encontrando nos supermercados, é bem complicado deixar comida estragar, não é? Então vale a pena dar uma conferida na despensa para saber o que pode estar estragando por lá.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.