'À medida que' e 'na medida em que': quando usá-las?

As estruturas à medida que e na medida em que podem parecer semelhantes à primeira vista, mas a verdade é que elas são empregadas de maneiras diferentes. Enquanto uma tem papel de conjunção, ligando orações, a outra é uma expressão que pode variar dependendo do contexto. 

Para começar, é preciso saber que à medida que é uma locução conjuntiva. Portanto, é utilizada para ligar duas orações, servindo mesmo de conjunção (sendo, portanto, invariável).

Na medida em que é outra história! Nela, “que” é pronome relativo, por isso esse bloco de texto não constitui uma locução, o que permite variações.

De maneira geral, podemos fazer duas afirmações sobre os usos dessas estruturas:

À medida que equivale a “conforme”

Por exemplo:

  • Eles ficaram mais cansados à medida que o tempo passou.
  • A natureza foi destruída à medida que a cidade cresceu.
  • À medida que as provas foram sendo descobertas, ficou difícil não considerá-lo culpado.

Na medida em que equivale a “tendo em vista que”; “porque”, “desde que”; “da mesma maneira que”

Por exemplo:

  • A crítica nem sempre ajuda, na medida em que as pessoas podem encarar os comentários de forma negativa.
  • Essa decisão é absurda, na medida em que os trabalhadores terão que pagar mais impostos.
  • A moda não se desenvolve em São Paulo na mesma medida em que em outros lugares do mundo.

O uso de uma ou de outra forma depende, como dito, do contexto. Se a ideia for de proporção, usamos a locução conjuntiva de proporcionalidade à medida que. Em todos os outros casos, usamos a expressão na medida em que (e suas variações).

Cuidado! A expressão à medida em que não existe.

Que outra dica de língua portuguesa você gostaria de ver por aqui?

***

Mariana Bordignon S. de Souza, colunista semanal do Mega Curioso, é formada em Letras — Português, pós-graduada em Docência Universitária e especialista em Gestão de Projetos. Está envolvida com o mercado editorial há mais de 10 anos.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.