Seja o primeiro a compartilhar

5 cemitérios históricos que valem uma visita

Cemitérios tendem a ser espaços contemplativos e tranquilos, construídos para servir tanto àqueles que estão no subsolo quanto para os que vão prestar suas homenagens. Porém, alguns cemitérios foram muito além de seu propósito original e tornaram-se conhecidos por suas decorações, túmulos ornamentados ou até mesmo pela tradição da caça aos vampiros.

Do assustador ao urbano, existem exemplos de lugares desse tipo que se destacam pelo mundo inteiro. Pensando nisso, nós separamos uma lista com cinco cemitérios que você deveria tomar conhecido antes de partir desse mundo!

1. Cemitério de Highgate — Inglaterra

(Fonte: Getty Images)(Fonte: Getty Images)

Inaugurado em 1839, o cemitério de Highgate é um dos mais famosos de Londres. Diversos roubos de túmulos, profanação, duelos mágicos e multidões de caçadores de vampiros carregando estacas já passaram por ali. Em várias dessas "caçadas", inclusive, sepulturas foram saqueadas e cadáveres reais foram decapitados.

Atualmente, o marco gótico vitoriano é o lar do descanso final de figuras famosas como Karl Marx, o autor de ficção científica Douglas Adams e o famoso criminoso Adam Worth, que possivelmente serviu de inspiração para o inimigo número um de Sherlock Holmes: professor Moriarty.

2. Chichicastenango — Guatemala

(Fonte: Getty Images)(Fonte: Getty Images)

Longe do centro da cidade de Chichicastenango, numa colina raramente visitada por turistas, está um dos cemitérios mais coloridos do mundo. Envolto pela tradição maia, o vibrante arco-íris de pigmentos celebra a vida após a morte das pessoas que ali foram enterradas e pode simbolizar diferentes papéis familiares na tradição local. 

Em uma cidade onde a maioria da população é indígena maia K'iche, o cemitério também abriga uma variedade de rituais no Dia dos Mortos, que envolvem incensos, álcool e até mesmo frango como oferendas.

3. Cemitérios de Los Angeles e La Cruz — México

(Fonte: Getty Images)(Fonte: Getty Images)

Embora a área pareça contemplar um único cemitério para aqueles que visitam, La Cruz e Los Angeles são, na verdade, dois cemitérios mal divididos por uma cerca antiga no México. Ambos apresentam uma impressionante variedade de estilos artísticos, incluindo pinturas, ferragens e esculturas feitas de mármore.

É fácil se perder nos corredores enquanto procura os túmulos mais exclusivos que ali existem, os quais possuem pequenas placas de metal que descrevem a história dos enterrados, e até mesmo pelo mausoléu que se acredita ser uma fonte de milagres.

4. Parque Cemitério Kopli — Estônia

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

Localizado em Talín, capital da Estônia, o Parque Cemitério Kopli é um adorável oásis urbano que esconde algumas sepulturas centenárias. O local já foi um cemitério ornamentado para a população alemã báltica que vivia na região, mas as forças soviéticas ocuparam a área após a Segunda Guerra Mundial.

Por conta disso, todas as estruturas memoriais e lápides foram removidas. Depois que os militares soviéticos foram embora dali, ela lentamente se transformou em um parque que hoje é verde e exuberante, até mesmo abrigando um playground para os mais jovens.

5. Cemitério de Hartsdale — Estados Unidos

(Fonte: Getty Images)(Fonte: Getty Images)

Ao redor do mundo, não são apenas os humanos que têm áreas destinadas para serem enterrados. O mais antigo cemitério de animais de estimação em funcionamento está localizado nos Estados Unidos, na cidade de Nova York. O Hartsdale Canine Cemetery, como é chamado, atendeu tanto a elite que queria ter certeza que seus animais fossem homenageados com estilo, até as pessoas comuns que simplesmente amavam seus pets.

Agora, mais de um século desde que foi fundado em 1896, o cemitério abriga mais de 80 mil cães, gatos, coelhos, pássaros, répteis, macacos, cavalos, um único leão e até mesmo algumas pessoas enterradas ali.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.