40
Compartilhamentos

É verdade que trabalhar o dia todo sentado é tão ruim quanto o tabagismo?

Equipe MegaCurioso

Se você trabalha o dia todo sentadinho, então já deve ter ouvido que a falta de atividade é superprejudicial e inclusive pode ter consequências mais negativas para o organismo do que o tabagismo. Na verdade, de acordo com Derek Flanzraich, do site Greatist, esse papo começou a circular há alguns anos, depois de o médico James Lavine, da prestigiosa Clínica Mayo, nos EUA, publicar um artigo no qual afirmava que passar o dia sentado era mais perigoso do que fumar, matava mais pessoas do que o HIV e era mais arriscado do que saltar de paraquedas!

O médico, basicamente, disse que estamos nos matando lentamente por trabalhar o dia todo sentados (como se isso fosse uma escolha para muitos de nós!) e, bem, exagerou um pouco ao comparar isso ao tabagismo. E já que estamos falando dos exageros de Lavine, só a título de curiosidade, em 2016, dos 3,2 milhões de saltos de paraquedas que ocorreram nos EUA, apenas 21 mortes foram registradas, e o número de vítimas relacionadas com o hábito de fumar somam 500 mil ao ano. E sabe quantas pessoas morreram por ficarem sentadas?

Comparação infeliz

Vamos deixar uma coisa clara: é verdade que existem estudos que relacionam a falta de atividade física ao surgimento de diversas doenças, como o diabetes, a depressão, alguns tipos de câncer e o desenvolvimento de doenças cardíacas. Mas é importante notar que a maioria das pesquisas foi realizada com pessoas que passam o dia jogadas no sofá assistindo TV, e apenas encontraram “relação” entre a inatividade e os problemas de saúde — e não uma quantidade suficiente de evidências diretas de que ela seja a causadora das doenças.

Existem muitos outros fatores que, associados à falta de atividade, podem levar ao surgimento de doenças, como o consumo excessivo de álcool e não seguir uma dieta balanceada, por exemplo. Até o local onde vivemos pode ter um impacto negativo sobre a nossa saúde. Mas, daí a dizer que estamos morrendo porque trabalhamos o dia inteiro sentados...

Aliás, diversos estudos apontaram que permanecer o dia todo de pé ou em uma mesma posição (como acontece com muita gente que desempenha determinadas funções) também pode ser prejudicial — e para aqueles que pensam que substituir a cadeira por uma bola de pilates no trabalho é a solução, tem pesquisa que diz que não é, não.

De acordo com Derek, comparar o trabalhar o dia todo sentado com o tabagismo é simplesmente errado. Isso porque, no caso do hábito de fumar, existem incontáveis pesquisas que não só relacionam, como o apontam como responsável direto por inúmeras doenças e mortes mundo afora. Sem falar, claro, que ele também é causador de problemas para quem convive com fumantes. Só que, no caso do tabagismo, ele é uma escolha — e as pessoas podem optar se querem ou não continuar com o hábito.

Passar o dia todo sentado diante da tela de um computador, atrás de um balcão ou no interior de uma cabine nem sempre é uma escolha. Ademais, existem ações que podemos tomar para neutralizar — ou pelo menos minimizar — os efeitos negativos, como praticar atividades físicas antes ou após o trabalho, fazer caminhadas breves no horário do almoço e ir pedalando ou a pé para o escritório. 

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.