Templo hindu enterrado por 80 anos é descoberto por aldeões

Templo hindu enterrado por 80 anos é descoberto por aldeões

Último Vídeo

Após escutarem entusiasmadas histórias de gerações anteriores e grupos ancestrais da vila de Perumallapadu, na Índia, sobre um antigo templo de adoração ao lorde Nageswara, uma espécie de emissário corpóreo do deus Shiva, grupos de moradores e jovens se uniram para encontrar os vestígios da construção, sabendo que estava enterrada há quase 100 anos.

O templo de Nageswara Swamy havia sido enterrado após uma drástica mudança climática na região durante a metade do século XIX, quando inundações provocaram alterações no curso do rio Penna, principal afluente no local, acabando por tornar-se responsável por carregar uma enorme quantidade de areia em direção à edificação, algo que resultou em seu consequente enterro e, para os mais novos, desaparecimento.

"Juntamente com o templo de Sri Nageswara Swamy, outros dois templos (templo de Kotiteertham e Sangam Sivalayam, no distrito) foram construídos ao mesmo tempo. O templo de Sri Nageswara Swamy recebeu pooja de devotos há 300 anos. O templo foi gradualmente coberto de areia e desapareceu completamente", disse Pothugunta Varaprasad, morador da vila de Perumallapadu. "Agora, alguns jovens entusiasmados desenterraram o templo. Temos planos de reconstruir o templo para realizar pooja. Já entramos em contato com 'Siddanthis' e, com seus conselhos, tomaremos uma decisão."

"Maravilha!! Antigo templo de Nageshwara Swamy enterrado na areia do rio é encontrado acidentalmente em Nelore Dist. A maravilha arquitetônica que se acredita ter sido consagrada por Lord Parashurama foi enterrada depois que o rio Penna mudou de curso."

Apesar de discursos convergirem sobre a vida do templo, com alguns afirmando que possui 300 anos de adoração, enquanto outros confirmam que há em torno de 200, o fato relevante para a população é que, finalmente, uma das arquiteturas mais importantes para os aldeões foi restabelecida e deverá entrar em trabalho de reconstrução após avaliação de danos e avarias devido às intempéries.

Atualmente, os moradores de Perumallapadu juntam esforços para retirar Nageswara Swamy das profundezas do leito do rio, já com quase 40 pessoas em trabalhos ininterruptos e com condições para financiar a escavação, mesmo com alguns habitantes trabalhando de graça.

Segundo histórias dos ancestrais, o templo não somente era local de adoração do avatar de Shiva, mas também foi operado por lorde Parashurama, um emissário do deus Vishnu, reforçando o status sacro do local e a necessidade de desenterrá-lo.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.