Seja o primeiro a compartilhar

6 curiosidades pouco conhecidas sobre Benjamin Franklin

Benjamin Franklin foi uma figura bastante importante não só para a história dos Estados Unidos, como também para a história da humanidade. Suas realizações como cientista e inventor — como o seu experimento com uma pipa em uma tempestade — são bastante conhecidas por todas as partes do mundo.

Além disso, ele foi responsável por estabelecer a primeira biblioteca de assinatura norte-americana e também por ter assinado a Declaração de Independência dos Estados Unidos. No entanto, nem todas as suas contribuições para o mundo são bastante conhecidas. Pensando nisso, nós separamos uma lista com seis curiosidades pouco difundidas a respeito de Benjamin Franklin. Veja só!

1. Habilidades na natação

(Fonte: Shutterstock)(Fonte: Shutterstock)

O que muita gente não sabia era que Benjamin Franklin sempre se mostrou um exímio nadador. Enquanto viajava de barco pelo rio Tâmisa aos 19 anos, Franklin decidiu pular na água e nadou de Chelsea até a região de Blackfriars — cerca de 9 km. Ele era tão habilidoso na atividade que entrou para o Hall da Fama da Natação Internacional em 1968. 

Sua paixão pelo nado fez com que ele considerasse por um bom tempo seguir essa carreira, com objetivos de abrir sua própria escola de natação no futuro. Obviamente, isso não se concretizou.

2. Dicionário elétrico

(Fonte: Shutterstock)(Fonte: Shutterstock)

Não bastasse ser um grande inventor de ferramentas, Benjamin Franklin basicamente precisou criar todo um dicionário para seus experimentos com eletricidade. Ao passo que ele ia desenvolvendo mais coisas, foram surgindo novos termos. De acordo com estudos, ele teria sido o primeiro a usar 25 termos elétricos.

Algumas das palavras que teriam sido inventadas pelo gênio foram: bateria, escovado, carregado, condutor e até mesmo eletricista.

3. Lidando com fogo

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

De todas as coisas que Benjamin Franklin já fez na vida, uma das mais curiosas talvez seja o fato dele ter organizado a primeira companhia de bombeiros voluntários em 1736: a The Union Fire Company — que foi posteriormente apelidada de Benjamin Franklin's Bucket Brigade.

Franklin foi responsável por elaborar diversos textos para a brigada, inclusive artigos sobre prevenção de incêndios. Nas palavras do inventor, "um grama de prevenção vale mais do que um quilo de cura". 

4. Cuidados com a saúde

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

Se Franklin teve seu envolvimento com o corpo de bombeiros, pode-se dizer que ele também foi o responsável pela criação do primeiro hospital dos Estados Unidos. Em conjunto com o Dr. Thomas Bond, os dois colaboraram para a construção do Hospital da Pensilvânia.

Embora o projeto tenha sido idealizado por Bond, foi o apoio de Franklin que fez tudo decolar. Foi ele quem fez lobby com a Assembleia da Pensilvânia e coletou os fundos necessários para que tudo acontecesse. 

5. Invenções incríveis

(Fonte: Shutterstock)(Fonte: Shutterstock)

Conhecido como um dos inventores mais proeminentes de todos os tempos, Franklin ganhou fama por criar o para-raios, os óculos bifocais e tantas outras coisas mais. Em 1761, ele também foi o responsável por inventar a gaita de vidro, que seria posteriormente chamada de harmônica.

Esse instrumento virou parte importante nas composições de Mozart, Beethoven e Handel. Além disso, Franklin também desenvolveu projetos magníficos como a cadeira de balanço, um braço mecânico para alcançar livros em prateleiras altas e até mesmo o cateter urinário flexível.

6. Imprimindo dinheiro

(Fonte: Shutterstock)(Fonte: Shutterstock)

Hoje estampado nas notas de US$ 100 ao redor dos Estados Unidos, Benjamin Franklin já foi responsável por imprimir todo o papel-moeda gerado no estado da Pensilvânia, Nova Jersey e Delaware. Ele era dono de uma gráfica chamada Pennsylvania Gazette e foi contratado para realizar tão função.

Em 1929, quando seu rosto passou a figurar na frente das notas, as pessoas passaram a chamá-las de "Benjamins" em sua homenagem.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.