Seja o primeiro a compartilhar

Quem são os escritores mais produtivos de todos os tempos?

Se você acha que é difícil escrever alguma coisa, deve achar estranho imaginar como é a vida de autores que trabalham exclusivamente com isso. E pode ficar ainda mais estarrecido quando descobrir que alguns escritores foram absolutamente prolíficos enquanto estavam produzindo, e foram capazes de gerar milhares de obras durante suas vidas.

Neste texto, apresentamos quem são os 6 escritores mais frutíferos de todos os tempos - o que não significa, claro, que sejam os mais lidos, os mais premiados ou mesmo os mais respeitados do ramo.

1. Corín Tellado 

(Fonte: Vida Moderna)(Fonte: Vida Moderna)

Com mais de 4.000 trabalhos publicados, a escritora espanhola Corín Tellado escreveu romances, radionovelas e fotonovelas que se tornaram best-sellers em vários países. Ela publicou seu primeiro romance em 1946, quando fechou um contrato com uma editora para entregar um livro por semana. Em pouco tempo, suas obras começaram a fazer muito sucesso.

Em 1951, seu trabalho ganhou repercussão na América Latina depois que ela começou a publicar na revista Vanidades. Corín teve obras adaptadas para o cinema e era admirada pelo escritor Mario Vargas Llosa. Ela faleceu em 2009, aos 81 anos.

2. L. Ron Hubbard 

(Fonte: Scientology)(Fonte: Scientology)

L. Ron Hubbard é o fundador da Cientologia, a polêmica religião seguida por muitos famosos e que une a busca espiritual com formas de controle mental. Hubbard, antes de fundar a igreja, já era um escritor de romances baratos, especializado em histórias de ficção científica, fantasia e autoajuda.

No total, Hubbard publicou 1084 trabalhos antes de morrer, em 1986, aos 74 anos. Dentre as suas obras, estão Dianética: A Ciência Moderna da Saúde Mental e O Caminho para a Felicidade: Um Guia do Senso Comum.

3. Ryoki Inoue

(Fonte: Revista Conexão Literatura)(Fonte: Revista Conexão Literatura)

Ryoki Inoue é um escritor de origem nipo-brasileira, que já entrou no Guinness Book dos Recordes como o autor mais profícuo de todos os tempos. Embora tenha se formado em Medicina nos anos 1970, Inoue largou a profissão para se dedicar integralmente à escrita.

No total, ele já publicou mais de 1106 obras que, segundo o autor, vendem cerca de 15 milhões de cópias por ano. Entre os livros, estão Os Colts de McLee, O Caminho das Pedras, O Fruto do Ventre e Quinze Dias em Setembro. Ele ainda usa 39 pseudônimos para batizar as obras.

4. Enid Mary Blyton

(Fonte: The Times)(Fonte: The Times)

Enid Mary Blyton foi uma escritora inglesa especializada em livros infantis de aventura. Suas obras estão entre as mais vendidas deste nicho desde a década de 1930, totalizando 600 milhões de cópias comercializadas.

Ao longo de sua carreira, Blyton publicou mais de 800 trabalhos. Dentre os mais famosos, estão Os Cinco, Os Mistérios de Patricia, Os Sete, As Gêmeas, a coleção Mistério e o clássico Noddy.

A vida da escritora foi abordada em um filme da BBC chamado Enid, e ela foi interpretada pela atriz Helena Bonham Carter. Blyton morreu em 1968, aos 71 anos.

5. Barbara Cartland

(Fonte: Viste La Calle)(Fonte: Viste La Calle)

Mary Barbara Hamilton Cartland foi uma escritora inglesa que produziu romances bem-sucedidos no mundo todo. No total, ela criou 723 romances que foram traduzidos para 38 idiomas e venderam mais de 750 milhões de cópias.

Barbara também usou pseudônimos, e se especializou em romances situados na era vitoriana. Ela ainda produziu peças teatrais, músicas, artigos, poesias e operetas, e chegou a entrar no Guiness Book dos Recordes em 1977 como a escritora com maior número de romances publicados em um único ano.

Barbara Cartland morreu dormindo em 2000, algumas semanas antes de seu aniversário de 99 anos.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.