Teste tripulado da Crew Dragon pode acontecer nesta semana

Teste tripulado da Crew Dragon pode acontecer nesta semana

Último Vídeo

Na próxima quarta-feira (27), dois astronautas da NASA finalmente poderão ser lançados para a Estação Espacial Internacional (ISS) no primeiro voo de teste tripulado da cápsula espacial Crew Dragon, da SpaceX. Dessa forma, a empresa de Elon Musk vai fazer história, já que nenhum obstáculo foi encontrado durante as revisões para a ocorrência do voo. As autoridades da NASA anunciaram a experiência na última sexta-feira (22).

"A Flight Readiness Review foi concluída e a missão SpaceX Demo-2 da NASA está autorizada a avançar para a decolagem no primeiro voo tripulado do Programa de Tripulação Comercial da agência", escreveram os funcionários da NASA por meio de um comunicado.

(SpaceX/Reprodução)(SpaceX/Reprodução)

Os astronautas da NASA Bob Behnken e Doug Hurley serão os tripulantes da Crew Dragon Demo-2, que vai enviá-los para a ISS por meio do foguete Falcon 9, oriundo do Kennedy Space Center (KSC), na Flórida. Essa será a segunda vez em que um voo espacial orbital com humanos a bordo vai partir de solo americano desde 2011, quando a NASA retirou sua frota de ônibus espaciais de campo (a outra ocasião foi em um voo de teste da Virgin Galctic em 2018). Nesse meio tempo, a agência estadunidense confiou seus esforços à russa Soyuz, que já levou alguns de seus astronautas para missões em órbita.

Expectativas altas

(Fonte: Unsplash)(Fonte: Unsplash)

Com a SpaceX, a NASA pretende acabar com sua certa dependência à espaçonave russa. Vale lembrar que desde 2014, a agência investiu US$ 2,6 bilhões, cerca de R$ 14,2 bilhões, na empresa de Musk para o desenvolvimento do sistema Crew Dragon/Falcon 9. A ideia é que ocorram seis missões tripuladas operacionais para a Estação Espacial Internacional.

Em março de 2019, a Crew Dragon acoplou-se à ISS com um voo não tripulado, apelidado de Demo-1. Contudo, agora, com a Demo-2, as expectativas são altas, tendo em vista que se tudo correr conforme o planejado, os estudos com relação aos investimentos serão finalmente validados.

No entanto, para que pudesse decolar, a Demo-2 foi severamente discutida em uma reunião conhecida como Revisão de Prontidão de Voo (Flight Readiness Review no original, também abreviada para FRR). Esta FRR começou em 21 de maio e se estendeu até a tarde do dia 22, com algumas especificidades sendo levadas em consideração. De acordo com os funcionários da NASA, tudo parece estar conforme o esperado.

“Foi uma excelente revisão”, disse Steve Jurczyk, administrador associado da NASA, durante uma videoconferência com repórteres na última sexta-feira. “Não há questões em aberto que sejam significativas, estou feliz em informar”, completou.

Já no último sábado (23), ocorreu um exercício de “roupa seca”, no qual os astronautas se vestiram com seus trajes oficiais e foram então submetidos a diversos procedimentos importantes. Nesta segunda-feira (25), ocorrerão as revisões finais para o lançamento. Kathy Lueders, gerente do Programa de Tripulação Comercial da NASA, também por videoconferência afirmou que todos da equipe ficarão muito atentos nos próximos dias. “Vamos dar um passo de cada vez para voar quando estivermos prontos”, finalizou.

Caso tudo ocorra como esperado, o teste tripulado vai acontecer na próxima quarta-feira, dia 27 de maio, às 17:33 no Horário de Brasília, e terá transmissão ao vivo nos canais da SpaceX e da NASA no YouTube.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.