Homem sofre lesões na bexiga após segurar xixi por 18 horas

Homem sofre lesões na bexiga após segurar xixi por 18 horas

Último Vídeo

Após beber cerca de dez cervejas e cair em um sono profundo, um homem, identificado apenas como Hu, foi internado no Hospital Popular de Zhuji, em Zhejiang, com graves suspeitas de rompimento da bexiga. Com três lesões detectadas no local, o caso ocorreu devido a uma retenção de mais de 18 horas de líquido, fazendo com que o órgão armazenasse muito além do seu limite e sobrecarregasse a estrutura.

Segundo noticiado pelo Zhuji Daily, o homem de 40 anos estava completamente desacordado e não chegou a perceber que seu corpo necessitava liberar o líquido acumulado. Quando acordou, sentiu uma intensa ressaca e dores de cabeça, além de muitas dores abdominais, certamente consequências de danos na bexiga.

Já hospitalizado, Hu não conseguia sequer urinar mesmo tentando diversas vezes, alcançando uma marca muito maior que as 18 horas e agravando sua situação. Foi somente após muito trabalho e a devida acomodação do paciente que a ressonância magnética de emergência conseguiu identificar o que realmente se passava no organismo do paciente: um rompimento da bexiga em três locais distintos.

(Fonte: Zhuji Daily/Reprodução)(Fonte: Zhuji Daily/Reprodução)

Além disso, uma das cavidades descobertas se abriu em direção ao abdômen, fazendo com que um intestino entrasse na bexiga. Em uma situação delicada e precisando de uma cirurgia emergencial para evitar danos maiores ao tecido do órgão, imediatamente foi posto em uma ala e tratado, encontrando-se, atualmente, em um quadro estável e sem risco de morte.

Alerta: o álcool e a bexiga

O álcool tem uma propriedade única de suprimir as reações químicas do sistema nervoso, principalmente se ingerido em altas quantidades. Após o chinês entrar em estado de sonolência, sua percepção foi parcialmente desativada e segurar o líquido retido tornou-se um movimento involuntário do corpo, suprimindo os hormônios que sinalizam a interrupção da produção de urina.

Com uma capacidade limitada de 350 a 500 mililitros da bexiga, o alerta dos médicos aponta que não se deve segurar urina por longos períodos de forma alguma, ainda mais em casos de ingestão de bebidas alcoólicas. Apesar do organismo conseguir reter líquidos equivalentes à capacidade da bexiga por até 10 horas, não se deve aguardar esse tempo inteiro para liberar a substância, havendo sérios riscos de danificar órgãos e tecidos.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.