Observatório de baleias norueguês vai parecer que veio do futuro

Previsto para ser inaugurado em 2023, o museu The Whale, localizado na Ilha de Andøya, na costa norte da Noruega, vem chamando a atenção na internet devido ao seu design futurista. O local, que será um observatório de baleias semissubmerso, ganhou suas primeiras imagens sobre a estrutura finalizada, e o resultado impressiona pela beleza e pela incrível “sensação oceânica” capaz de trazer.

Visto à distância e de uma perspectiva plana, o The Whale literalmente lembra uma baleia, muito semelhante a uma cauda do enorme mamífero surgindo após o resto do corpo ter mergulhado no mar. O observatório está sendo projetado pela arquiteta dinamarquesa Dorte Mandrup-Poulsen e as imagens foram reconstruídas pelo estúdio Mir, de Bergen, também na Noruega, responsável por criar retratos em design gráfico de obras ainda inacabadas.

(Fonte: Dorte Mandrup/Instagram)
(Fonte: Dorte Mandrup/Instagram)
(Fonte: Dorte Mandrup/Instagram)
(Fonte: Dorte Mandrup/Instagram)
(Fonte: Dorte Mandrup/Instagram)
(Fonte: Dorte Mandrup/Instagram)

The Whale está sendo projetado para harmonizar com o ambiente costeiro norueguês. Seu teto em forma de concha curva é capaz de abrigar musgos, ajudando na integração com a paisagem natural. Dessa forma, a construção funcionará como uma estrutura capaz de conscientizar e reforçar a importância sobre o respeito ao habitat marinho, sendo o primeiro encontro da população local e visitantes com inúmeros espécimes de baleias migratórias.

(Fonte: Dorte Mandrup/Instagram)
(Fonte: Dorte Mandrup/Instagram)
(Fonte: Dorte Mandrup/Instagram)
(Fonte: Dorte Mandrup/Instagram)
(Fonte: Dorte Mandrup/Instagram)
(Fonte: Dorte Mandrup/Instagram)

Segundo a administração do The Whale, o prédio também funcionará como escritório, local de reunião, cafeteria e outras atividades. Recomenda-se que os visitantes e locadores das salas e estruturas da construção utilizem roupas de inverno como agasalhos, luvas, gorros e itens resistentes à água e ao vento.

Atraso nas obras do The Whale

Inicialmente previsto para ser entregue em 2022, o museu recebeu um adiamento de pouco mais de um ano, após um grupo de arqueólogos encontrar registros da era Viking enterrados no local onde o prédio viria a ser levantado. Dessa forma, o projeto ficou paralisado cerca de 11 meses, enquanto tentava ser dispensado da Lei do Patrimônio Cultural que entrou em vigor depois da identificação dos antigos assentamentos.

(Fonte: Dorte Mandrup/Instagram)
(Fonte: Dorte Mandrup/Instagram)
(Fonte: Dorte Mandrup/Instagram)
(Fonte: Dorte Mandrup/Instagram)
(Fonte: Dorte Mandrup/Instagram)
(Fonte: Dorte Mandrup/Instagram)

Felizmente, o atraso serviu para estreitar ainda mais as relações entre os parceiros, resultando nas primeiras imagens oficiais da estrutura.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.