06
Compartilhamentos

Spray nasal pode reduzir severidade de sintomas da covid-19

Recentemente, a empresa norte-americana Xlear iniciou uma petição para que a Organização Mundial da Saúde (OMS) aprove o uso pré-emergencial dos sprays nasais à base de xilitol e extrato de semente de toranja (X-GSE) na prevenção da transmissão e infecção do vírus Sars-CoV-2, causador da covid-19

O pedido, feito junto à Administração Federal de Alimentos e Medicamentos dos Estados Unidos (FDA), tem como suporte um novo estudo colaborativo feito pela Northwestern University e pela Utah State University, o qual mostra dados que comprovam a eficácia desses componentes na redução da carga viral de indivíduos infectados e, consequentemente, na diminuição de sintomas severos da doença causadora da pandemia.

Prevenção à covid-19

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)

Desde março de 2020, diversos estudos têm mostrado que 90% da carga viral de Sars-CoV-2 fica localizada nas vias aéreas superiores do trato respiratório, o que, inclusive, gerou as recomendações de medidas de proteção pessoal como o uso de máscaras e o distanciamento social.

Esses dados demonstram que a região do nariz precisa ser um importante foco no combate à pandemia. Segundo um estudo publicado na Journal of Allergy and Infectious Diseases, a utilização de sprays nasais antivirais também pode se tornar uma importante ferramenta de defesa multicamadas contra o coronavírus.

Através de pesquisas clínicas, o documento apresentou resultados impressionantes que incluem melhoras notáveis nos sintomas sofridos pelos pacientes após o quarto dia de uso dos sprays de X-GSE, como é o caso do produto desenvolvido pela Xlear e utilizado nos testes. 

No sétimo dia de aplicação do spray intranasal, a maioria dos pacientes testou negativo para covid-19 através dos testes de RT-PCR. Naturalmente, a média para que um paciente esteja negativado para o vírus é de 14 dias, o que representaria uma redução de 50% no tempo de tratamento da doença. 

Uso pré-emergencial

(Fonte: OMS/Ploy Phutpheng)(Fonte: OMS/Ploy Phutpheng)

De acordo com o estudo da Northwestern/Utah State, o uso dos produtos à base de X-GSE viria como um importante recurso de suporte para ajudar países acometidos pela crise pandêmica na luta contra o coronavírus por meio de uma terapia combinada antiviral preventiva de custo baixo e segura.

"Os dados mostram que o uso de spray nasal não faz que uma pessoa esteja necessariamente imune ao vírus. Por outro lado, esses mesmos sprays podem bloquear, desativar ou até mesmo matar o vírus em curto prazo", afirmou  Gustavo Ferrer, um dos autores da pesquisa e que também está entre os requerentes do uso pré-emergencial do X-GSE.

Fundada em 2000, a Xlear se consolidou como uma das principais empresas desenvolvedoras de produtos à base de xilitol no mercado. Há mais de 20 anos sendo comercializado, o spray nasal da empresa foi criado para ajudar na prevenção da infecção de ouvido em crianças, já que consegue bloquear a adesão bacteriana dos patógenos causadores do problema.

Desde então, artigos científicos têm mostrado que o uso de xilitol nasal fornece diversos benefícios ao organismo humano, o que fez com que a marca expandisse suas ações para o tratamento de sinusite, alergia e outras enfermidades em adultos. Caso passe a ser recomendado pela OMS, o spray Xlear possui a enorme vantagem de nunca ter apresentado fatores de risco, estar disponível sem necessidade de prescrição médica e ser de fácil acesso nas prateleiras das farmácias.

Importância do spray nasal

(Fonte: Xlear/Divulgação)(Fonte: Xlear/Divulgação)

Em entrevista ao Mega Curioso, o CEO da Xlear, Nathan Jones, destacou a importância de contar com mais um método de prevenção para combatermos a covid-19. "A ideia é que, se destruirmos ou inativarmos o vírus no nariz, não estaremos exalando vírus vivos e seremos menos contagiosos", comentou.

Para Jones, artigos publicados na literatura médica sugerem que qualquer ação para diminuir a carga viral na região nasal pode reduzir os sintomas da doença e também a disseminação dos vírus. Atualmente, a Xlear tem tentado coletar o máximo de informação possível para instruir médicos e profissionais de saúde na importância da desinfecção nasal como estratégia de defesa em várias camadas, o que inclui não só a covid-19 como também todas as doenças relacionadas a vias aéreas superiores.

"Nos Estados Unidos, por exemplo, cerca de 75% das visitas a profissionais de saúde têm a ver com problemas nas vias aéreas superiores. Infecções de ouvido, infecções nos seios da face, alergias, asma, resfriados, gripes e outros vírus, todas poderiam ser reduzidas se as pessoas praticassem uma boa higiene nasal", afirmou Nathan.

Impacto financeiro e humanitário

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)

A principal tese de defesa para o uso pré-emergencial dos produtos à base de X-GSE pelos requerentes é a de que essa medida de higiene nasal possui enorme potencial para salvar vidas e impactar positivamente nas finanças de países lidando com a pandemia.

Na visão dos defensores, os sprays nasais seriam uma aposta acessível para combater a pandemia. Pelo fato dos estudos iniciais terem demonstrado alto potencial do xilitol na desativação do vírus e inibição de sintomas severos da covid-19, a aprovação do uso do produto poderia significar em milhares de vidas sendo salvas.

Além disso, como o spray Xlear já está difundido mundialmente, foi usado por milhões de pessoas por duas décadas e nunca apresentou nenhum efeito colateral, ele também seria uma opção inovadora e econômica para que os países protegessem suas populações em conjunto com outras medidas de proteção pessoal.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.