Nikola Tesla: 5 invenções de um dos maiores gênios da história

Muito mais do que um visionário, Nikola Testa (1856-1943) foi um inventor que revolucionou o tratamento prático da ciência e tornou-se conhecido por contribuir com um moderno sistema de corrente alternada (AC). Em vida, o engenheiro sérvio patenteou cerca de 300 projetos envolvendo geradores mecânicos, tubos de descarga elétrica e radiografia, mas viu suas ideias serem constantemente ofuscadas por outros cientistas, mesmo que evidenciassem um olhar para o futuro e se destacassem por colaborar com laboratórios, empresas e com o meio social.

Confira abaixo algumas das principais invenções do "homem que inventou o século XX" e descubra o motivo de Tesla ter sido considerado um dos maiores gênios da física moderna.

1. Bobina de Tesla

(Fonte: Wikipedia / Reprodução)(Fonte: Wikipedia / Reprodução)

Apesar de possuir uma simplicidade de construção, a Bobina de Tesla foi um mecanismo capaz de gerar frequências e voltagens extremas por um transformador com núcleo de ar, alcançando um desempenho de 250 kV com relativa facilidade. Esse dispositivo foi amplamente usado em rádios primitivos, eletroterapia e geradores de alta tensão, além de demonstrações sobre o comprimento de faíscas elétricas.

2. Motor elétrico de indução

(Fonte: Pinterest / Reprodução)(Fonte: Pinterest / Reprodução)

Considerada uma das dez maiores invenções de todos os tempos, o motor elétrico de indução patenteado por Nikolas Tesla foi responsável por melhorar a geração de energia e possibilitar sua distribuição em longo alcance. Até hoje, é possível encontrá-lo em aspiradores, secadores de cabelo e ferramentas elétricas.

3. Barco de controle de rádio

(Fonte: Wikipedia / Reprodução)(Fonte: Wikipedia / Reprodução)

O barco controlado de Tesla foi uma de suas invenções que teve patente negada e é visto como um de seus projetos mais revolucionários e surpreendentes. O objeto seria uma espécie de renascimento da robótica e foi proposto para concentrar atividades humanas em outros campos, graças a um coesor, apelidado de "telautomaton", que comandaria todas as funções do veículo.

4. Raio da morte

(Fonte: Wikipedia / Reprodução)(Fonte: Wikipedia / Reprodução)

O Raio da morte foi um experimento nunca construído por Tesla, mas que se destacou pela sua proposta imaginativa e pela ideia de funcionar como uma ferramenta de paz. A arma de partículas teórica, que seria fundamentada no lançamento de feixes laser, tornou-se um ícone das obras de animação e ficção científica e tornou-se comum na cultura popular.

5. Luzes Neon

(Fonte: Wikipedia / Reprodução)(Fonte: Wikipedia / Reprodução)

Originalmente, as luzes Neon foram creditadas ao francês Georges Claude (1870-1960), mas em 1891, Nikolas Tesla apresentou, durante uma palestra no Columbia College, os Tubos de Geissler. Esse experimento consistia na utilização de tubos de vidro contendo um gás semelhante ao argônio, que se iluminava após ser estimulado e criava uma iluminação incandescente sem a necessidade de fios ou corrente.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.