Viúvo solitário se emociona com inúmeras manifestações de carinho

Viúvo solitário se emociona com inúmeras manifestações de carinho

Último Vídeo

Depois de postar um apelo por companhia após o falecimento de sua esposa, conforme publicado aqui no Mega Curioso na última sexta-feira (18), o inglês aposentado Tony Williams, de 75 anos, tem recebido tantos e-mails, que sua Caixa de Entrada travou, e ele passa o tempo inteiro atendendo ligações de pessoas oferecendo amizade.

Tony contou ao Sky News que os e-mails começaram a chegar “numerosos e rápidos” a uma velocidade de quatro ou cinco por minuto, mas ele nem está dando conta de responder porque a sua conta travou. “Uma mensagem vermelha apareceu dizendo que havia algum tipo de erro e que precisava ser reiniciado”, disse ele.

Fonte: Tony Kershaw/SWNS/Reprodução

Propostas

São pessoas do mundo inteiro, desde a Alemanha e Holanda até Índia e Japão, entrando em contato para fazer propostas de todos os tipos: passeios rodoviários nos Estados Unidos, almoços, pedidos para ser avô adotivo e até companhia numa tarde para bebericar um gim tônica.

Na entrevista, Tony fez algumas revelações emocionadas: “O amor e a compaixão que as pessoas demonstraram realmente trouxe lágrimas aos meus olhos. Eles me enviaram os e-mails mais deliciosos. Fotos de seus filhos, seus animais de estimação, me contaram sobre suas aspirações e me disseram que estão pensando em mim”.

O aposentado contou que uma professora da vila de Alton, onde ele mora atualmente, perguntou se as crianças de sua classe poderiam lhe escrever cartas. A resposta foi rápida: "Entrei em contato com ela imediatamente e disse que seria maravilhoso. Eu adoraria”.

O telefone nunca tocava

Fonte: Tony Kershaw/SWNS

Também algumas mulheres têm se interessado pelo idoso. "Uma senhora telefonou e disse que se algum dia eu pegar um avião, ela me espera no aeroporto e me leva para passear na Flórida”. Tem também o caso de uma vizinha que convidou Tony para uma “voltinha para tomar uns G&Ts (gin tônica)”. Ele já adiantou que irá com muito gosto.

Como Tony e sua amada Jo não puderam ter filhos, ele disse que, após a morte dela, ficava em casa sozinho, torcendo para que o telefone tocasse. “Mas ele nunca tocava”, lamentou-se. Parece que, agora, o aparelho não para de tocar. 

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.