Mexicanos estão comprando celulares falsos para compor “kit bandido”

Mexicanos estão comprando celulares falsos para compor “kit bandido”

Último Vídeo

Não é de hoje que muitos brasileiros circulam pelas cidades com um “kit bandido” à mão – aquele composto por uma carteira falsa, contendo uns trocados, cartões velhos e algumas tralhas, bolsa de mentirinha e celular antigo. Mas não pense que esse tipo de medida é uma exclusividade do nosso país. No México, a galera também anda com itens para ser entregues a criminosos em caso de assalto, a diferença é que, por lá, em vez de aparelhos velhos, os mexicanos estão comprando smartphones com cara de novos, só que completamente fake.

Driblando a bandidagem

De acordo com o pessoal do site Oddity Central, assim como ocorre nas grandes cidades brasileiras, os assaltos à mão armada se tornaram comuns na Cidade do México, então, para não correr o risco de perder o celular – e potencialmente a própria vida – e de não ter o que entregar aos bandidos em um momento de aperto, os mexicanos começaram a apelar para a compra de réplicas perfeitas de modelos como o Samsung Galaxy e o iPhone X.

(Reprodução / Unsplash / Stephen Petrey)

Os fakes, na realidade, começaram a ser desenvolvidos faz tempo para serem usados como peças de mostruário em lojas de venda de celulares. Assim, além de serem idênticos aos originais, eles inclusive têm o mesmo peso que os aparelhos de verdade. Só que esse mercado encontrou um novo nicho e as peças são comercializadas por valores que variam entre os 300 e os 500 pesos – ou o equivalente entre R$ 60 e R$ 100, mais ou menos. 

É claro que entregar um celular de mentira tem seus riscos também, uma vez que os criminosos podem perceber que se trata de um embuste, o que pode complicar a situação. Mas, como os assaltos costumam acontecer de forma extremamente rápida, as vítimas esperam que os ladrões não percebam que estão sendo enganados e o aparelho de verdade seja preservado. Ainda assim, muitos mexicanos simplesmente estão evitando de investir nos últimos modelos e preferindo opções mais baratas e simples – mas de verdade – para incluir no “kit”.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.