Limpeza de ouvidos: é seguro fazer irrigação auricular?

Nos últimos dias, o procedimento de irrigação auricular, popularmente conhecido como lavagem de ouvido, viralizou nas redes sociais, e apesar da experiência entrar no vasto catálogo de vídeos considerados satisfatórios a assistir, usuários estão questionando sua procedência e os riscos que pode trazer à saúde, especialmente por ser uma forma de tratamento que pode ser realizada em casa e sem a ajuda de um médico.

Remover a cera de ouvido manualmente pode proporcionar uma sensação gostosa e dar aquela ideia de alívio, mas essa iniciativa, quando não é devidamente acompanhada por um especialista, tem grandes chances de trazer sérios riscos aos canais auditivos. A comunidade de otorrinolaringologistas condena severamente o uso de qualquer tipo de meio, como cotonetes e outros objetos semelhantes, para realizar a limpeza dos ouvidos, recomendando atendimento clínico para que a região seja avaliada.

A irrigação auricular

A irrigação auricular é um método alternativo no combate à cera e se destaca por sua eficiência e por apresentar um manuseio relativamente simples, que sugere ser utilizado por qualquer pessoa com uma boa coordenação motora. Sua aplicação consiste na injeção de fortes jatos de água que iniciam uma pressão reversa, expulsando rapidamente impurezas localizadas e amolecendo a cera que pode ter formado bloqueio nos canais auditivos. Porém, mesmo com tais facilidades, os médicos sugerem atenção e não indicam o uso caseiro do procedimento.

Se você tem histórico de perfuração nos tímpanos ou já tratou cirurgicamente a região, fique longe da lavagem de ouvido, pois você poderá ficar sujeito a efeitos colaterais como náuseas e tonturas. Em casos mais graves, há até mesmo o desenvolvimento de condições inflamatórias, como otite externa ou média, gerando quadros irreversíveis com danos permanentes.

Qual a forma adequada de limpar os ouvidos?

Idealmente, não é recomendado que seja realizada uma limpeza dos canais auditivos. Porém, caso você perceba incômodos ou sinta que a cera está se acumulando e atrapalhando sua audição, é possível contornar os problemas com uma toalha de banho logo após amolecer a sujeira com algumas gotas de óleo de bebê, peróxido de hidrogênio, óleo mineral ou glicerina.

Utilizar cotonetes e itens pontiagudos pode causar infecções, rupturas no tímpano ou perda significativa de audição, então risque esses produtos de sua lista de compras e evite-os. Caso tenha problemas, visite um médico.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.