32
Compartilhamentos

Palavrões em latim: como os antigos romanos xingavam?

O palavrão, conjunto de termos e expressões consideradas vulgares ou obscenos, tornou-se praticamente um subdialeto e muitas populações se entendem apenas através do uso desses vocábulos. Porém, como tudo na língua tem suas origens, essas locuções são muito mais antigas do que se imagina e remontam lá dá época do Império Romano, quando os "sordidi sermones" latinos passaram a ser utilizados para desqualificar indivíduos e grupos sociais.

O latim era uma língua que favorecia o compartilhamento dos mais diversos tipos de expressões e emoções, pois possuía construções gramaticais feitas para todo tipo de situação e algumas plenamente interpretativas, que ofendiam pessoas muitas vezes sem sequer o outro entender o que estavam falando. 

Nos primeiros séculos depois de Cristo, os romanos se comunicavam abusando de termos sórdidos e era comum ver cidadãos comentando que soltaram um "pedo" pelo "culus", chegando até mesmo a "facere merda" em casos mais extremos. Os órgãos sexuais de homens e mulheres eram chamados respectivamente de "mentula" e "cunnus" — formas vulgares — e possuíam etimologias bem duvidosas, com o pênis masculino sendo sugestivamente originário da palavra "mens" ("mente").

(Fonte: Getty Images / Reprodução)(Fonte: Getty Images / Reprodução)

Além disso, alguns falsos cognatos surgiram entre os palavreados latinos e um dos que mais chamam a atenção é o verbo "fodere", que possui um significado um pouco distante do que você está pensando agora. Porém, caso seja analisado de uma forma, digamos, um pouco mais metafórica, o termo utilizado como versão da palavra brasileira "cavar" pode fazer um pouco de sentido sem forçar muito a barra.

Categorização dos palavrões latinos

Os romanos tinham palavrões para todo tipo de situação e usavam xingamentos considerados comuns como "crudelis" ("cruel"), "perfide" ("traidor") e outros, agredindo por questões de falta de sensatez, descomprometimento, infidelidade, idade mental e aspectos físicos. Porém, apesar da grande quantidade de ofensas, poucas delas foram morfologicamente levadas para as gerações anteriores, e entender palavreados em latim pode ser um verdadeiro quebra cabeça.

Porém, caso você queira ir mais tarde a um estádio de futebol cornetar seu time ou gritar contra o rival, você não deve ser censurado por berrar "pecus", "vervex" ou "futue te ipsam" em alto e bom tom.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.