Seja o primeiro a compartilhar

Quais países têm as capitais mais próximas uma da outra?

O Brasil é um país enorme e não é de se surpreender que todas as distâncias aqui também sejam, né? É possível viajar por horas sem sair do estado — e até sem sair de um município

Além disso, nossa capital está bem no meio desse enorme território, de modo que a capital mais próxima de Brasília está a 1,8 mil km: Assunção, do Paraguai. Para ir até Buenos Aires ou La Paz, as próximas na fila, são 2,8 mil km! Mesmo dentro do Brasil, a capital só está “pertinho” de Goiânia, a cerca de 200 km — para Belo Horizonte, já são mais de 700 km.

(Fonte: Shutterstock)(Fonte: Shutterstock)

Isso é bem diferente de outros países menores pelo mundo, com capitais bem perto umas das outras. Em alguns casos, você pode conhecer duas capitais internacionais em um dia, com uma viagem bem curta. É sobre esses países que falaremos a seguir!

Mas antes disso, a título de curiosidade, as capitais mais próximas da América do Sul são Buenos Aires e Montevidéu, a 280 km uma da outra. Ainda é muito mais do que outros exemplos que vamos dar neste texto.

Uma capital dentro da outra conta?

Não tem como ser mais próxima do que a Cidade do Vaticano e Roma, capital da Itália: uma está, literalmente, dentro da outra. Se você dá um passo para fora do portão, já saiu da capital de um país para a capital de outro — porque, sim, o Vaticano é um país independente, então sua capital está tecnicamente dentro da capital de outro país, a Itália.

Ainda assim, a Europa é infinitamente menor que o Brasil e há capitais muito mais próximas por lá. Andando os mesmos 1,8 mil km que separam Brasília de Assunção, nós podemos ir de Berlim (Alemanha) a Podgorica (Montenegro) — e, no meio do caminho, passear por Praga (Tchéquia), Viena (Áustria), Bratislava (Eslováquia), Budapeste (Hungria), Belgrado (Sérvia) e ainda Sarajevo (Bósnia), antes de chegar em Podgorica. São oito capitais, em vez de duas, à mesma distância.

Duvida? Eu fiz esse caminho no Google Maps! (Imagem: Google Maps/Reprodução)Duvida? Confira o trajeto no Google Maps. (Fonte: Google Maps/Reprodução)

Essa viagem maluca é possível porque temos algumas capitais bem próximas no trajeto: de Sarajevo a Podgorica, são pouco mais de 200 km — mais ou menos a mesma distância entre Brasília e Goiânia. De Bratislava a Budapeste também dá quase isso. Porém, as duas capitais mais próximas da Europa são mesmo Bratislava e Viena. 

Cerca de 55 km pelo Rio Danúbio é o que separa as cidades mais importantes da Áustria e da Eslováquia. De carro, o caminho mais curto é 67 km ou cerca de uma hora. As duas capitais mais próximas de estados do Brasil — João Pessoa e Recife — estão a 126 km uma da outra.

É interessante mencionar também o caso de Talín, capital da Estônia, e Helsinque, da Finlândia: as duas estão a 86 km de distância, uma de cada lado do mar. Há uma balsa para conectar os dois países. Antes da Eslováquia se separar da Tchecoslováquia, em 1993, essa era a dupla de capitais mais próxima da Europa.

Mas as capitais mais próximas no mundo são outras…

Contudo, caros leitores, engana-se quem pensa que as capitais mais próximas do mundo estão na Europa, com seus países menores do que estados brasileiros.

Elas estão na África e pertencem a países relativamente grandes: a República Democrática do Congo é o 11º maior país em território, com 2,3 milhões de km2. Já a República do Congo é bem menor, com 342 mil km2 — mas é quase do mesmo tamanho que a Alemanha, o maior dos países europeus que citamos.

Os dois países tem quase o mesmo nome porque foram batizados pelo rio Congo, um dos mais importantes da África. Para diferenciar os dois, muitos costumam chamá-los de Congo-Kinshasa e Congo-Brazzavile, os nomes de suas capitais — que ficam, veja só, às margens do rio. O curioso é que uma capital fica de cada lado do rio e as duas são vizinhas. 

Essa é Kinshasa vista de Brazzaville, do outro lado do Rio Congo (Imagem: Wikimedia Commons)Essa é Kinshasa vista de Brazzaville, do outro lado do Rio Congo (Fonte: Wikimedia Commons)

O Rio Congo é grande e não há pontes entre as duas cidades: uma balsa faz a travessia, de cerca de 4 km, em meia hora. Ou você pode pegar um voo que dura cinco minutos. Essas são as capitais de países mais próximas do mundo — e a culpa é do colonialismo. 

Isso porque um dos países era a parte francesa das terras do Rio Congo e o outro era a parte belga. Então, cada metrópole europeia construiu as bases de suas colônias em lados opostos do rio e, quando elas se tornaram países independentes, ficaram com capitais vizinhas. Só não existe uma ponte ainda porque são dois países pobres. Mas os dois Congos receberam fundos para a construção da ponte entre Kinshasa e Brazzaville, que deve acontecer nos próximos anos.

Para terminar, é curioso observar que também dá para fazer uma viagem por várias capitais na África: de Monróvia (Libéria), passando por Freetown (Serra Leoa), Conakri (Guiné), Bissau (Guiné-Bissau), Banjul (Gâmbia), até chegar em Dacar (Senegal) são 1.929 km, segundo o Google Maps. Seis capitais a um pouco mais que os 1,8 mil km entre Brasília e Assunção.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.