E se... 8 perguntas hipotéticas fascinantes e suas possíveis respostas
466
Compartilhamentos

E se... 8 perguntas hipotéticas fascinantes e suas possíveis respostas

Último Vídeo

1 – E se existisse outra espécie tecnologicamente avançada na Terra?

Os humanos reinam absolutos no nosso planeta, mas, e se existisse outra espécie inteligente para desafiar a nossa supremacia, como seria? Segundo os teóricos de plantão, o mais provável é que nós e eles nos estranhássemos e mergulhássemos em um conflito eterno pelo domínio da Terra. E se nenhum dos grupos vencesse ou dizimasse o outro, depois de alguns milhares de anos, as duas espécies provavelmente começariam a se adaptar para evoluir necessidades diferentes de recursos e passariam a ignorar a existência uma da outra.

2 – E se a Terra fosse duas vezes maior do que ela é?

Se a Terra contasse com o dobro do seu diâmetro original, a massa do nosso planeta aumentaria em oito vezes e a força da gravidade seria duas vezes mais forte do que agora. Se esse aumento de tamanho acontecesse de repente, todas as espécies de plantas e animais que vivem atualmente no mundo entrariam em colapso sob o próprio peso — e novas espécies mais fortes e resistentes surgiriam por aqui.

3 – E se os dinossauros não tivessem sido extintos?

Você já parou para pensar em como seria a vida na Terra se o asteroide que dizimou os dinossauros há 65 milhões de anos jamais tivesse colidido conosco? De acordo com alguns teóricos, considerando que os “lagartões” dominaram o nosso planeta por 160 milhões de anos antes do impacto cataclísmico, o mais provável é que eles continuassem sendo os mandachuvas por aqui — e quem sabe eles não tivessem evoluído para uma espécie inteligente que estaria no lugar que os humanos ocupam hoje em dia!?

4 – E se o Sol tivesse o dobro do tamanho?

Pode parecer contraditório, mas, se o Sol fosse duas vezes maior do que ele é hoje, ele se enquadraria em uma classe de estrelas chamada anã vermelha. Isso significa que o nosso astro-rei seria mais avermelhado e muito mais frio, e a zona habitável do Sistema Solar seria bem mais estreita. Sendo assim, toda a água do nosso planeta congelaria, enquanto Mercúrio, o mundinho mais próximo do Sol, é o que se encontraria no melhor lugar da nossa vizinhança.

5 – E se os humanos fossem duas vezes mais inteligentes?

Já pensou se a gente tivesse o dobro da inteligência que temos hoje? Será que teríamos poderes telecinésicos? Viveríamos em um mundo tecnologicamente mais avançado? Seríamos mais... cabeçudos? Alguns especialistas acreditam que, como as diferentes personalidades continuariam existindo, a sociedade não se veria livre de conflitos. Mas, considerando a superinteligência em nível individual, os humanos desenvolveriam mais seus interesses, se sentiriam mais realizados, seriam mais saudáveis e, provavelmente, menos religiosos.

6 – E se descobríssemos que há vida alienígena por aí?

Teoricamente falando, é possível que algum dia os cientistas encontrem formas de vida em Marte ou em Europa, uma das luas de Júpiter, por exemplo, e, nesse caso, amostras seriam cuidadosamente coletadas e analisadas exaustivamente em laboratório. Já se descobríssemos a existência de civilizações inteligentes vivendo em algum lugar da galáxia, há um protocolo — desenvolvido nos anos 50 pelo Exército dos EUA — composto por uma série de etapas que devem ser seguidas antes que o contato seja travado, para garantir que a aproximação seja benéfica para todos.

7 – E se os neandertais não tivessem sido extintos?

Alguns teóricos acreditam que, se os neandertais não tivessem desaparecido da face da Terra, eles poderiam ter sobrevivido em pequenas comunidades até a era moderna — e possivelmente desenvolvido a capacidade de se comunicar, pensar e até agir como nós. No entanto, o mais provável é que eles acabassem se relacionando com os humanos e sendo assimilados, dando origem a uma espécie híbrida.

8 – E se as estações do ano não existissem?

Primavera, verão, outono e inverno existem porque o nosso planeta está inclinado sobre o seu eixo de rotação. Se não fosse assim — e as variações sazonais não existissem —, sempre faria calor na faixa central da Terra, a que corresponde à Linha do Equador, e o clima se dividiria em bandas com temperaturas constantes que se tornariam mais baixas conforme nos aproximássemos dos polos.

O problema é que, segundo os teóricos, sem as estações do ano, os seres humanos provavelmente jamais teriam desenvolvido a agricultura, já que os cultivos dependem da sazonalidade. Sem falar que, em um mundo sem “inverno”, a Revolução Industrial provavelmente não teria acontecido — e nós não teríamos conquistado tantos avanços —, visto que muitas das tecnologias que existem hoje em dia surgiram da necessidade dos humanos de encontrar formas mais eficientes e adequadas de se manter aquecidos.

***

Você sabia que o Mega Curioso também está no Instagram? Clique aqui para nos seguir e ficar por dentro de curiosidades exclusivas!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.