Mulher tem condição que resulta em raros dedos telescópicos

Mulher tem condição que resulta em raros dedos telescópicos

Último Vídeo

Uma mulher de 68 anos recebeu o diagnóstico de “dedos telescópicos”, mostrando o raro efeito reumatológico de artrite que pode afetar o corpo humano. Nessa anomalia, a posição dos ossos das mãos tem uma deformidade que deixa os dedos encolhidos com a pele mais abundante nas juntas, o que lembra a flexão de um telescópio, que pode ser encolhido ou esticado.

Quando inicialmente foi para uma clínica reumatalógica para um tratamento, a mulher estava cuidando de deformidades articulares e de uma sensibilidade significativa nas mãos, pulso, cotovelo, joelhos e nas articulações de seu tornozelo esquerdo.

No New England Journal of Medicine, seu médico afirmou, depois de constatar em um exame, que as mãos da paciente apresentam articulações encolhidas com perda de flexão ativa e uma inabilidade de fazer um punho. Os médicos comprovaram que ao puxar os dedos da mulher idosa, a articulação volta para a posição original.

Imagens de raio x revelaram que a mulher sofre de osteólise, ou reabsorção óssea da úlna ou rádio. Essas partes das articulações estão localizadas nos ossos localizados na região das mãos. A osteólise é provocada quando os ossos perdem minerais e cálcio, o que causa um enfraquecimento da região até que o osso seja destruído. Posteriomente, a mulher recebeu o diagnóstico de artrite mutilante, uma severa forma de artrite reumática crônica, caracterizada por uma artrite erosiva destrutiva, que causa um colapso nas próprias juntas.

O médico da mulher afirma que “o fenômeno semelhante a um telescópio é consequência da reabsorção óssea”.

Artrite reumática extrema

O site IFLScience consultou uma médica da Califórnia que não tratou a paciente. A profissional afirma que os "dedos telescópicos" é uma resultado extremo de artrite reumática (AR) e é raro de ser constatado em diagnósticos. Hoje existem remédios anti-reumáticos no mercado para a doença.

A AR é um tipo comum de doença auto-imune e afeta 1,5 milhão de pessoas nos Estados Unidos, segundo a Arthritis Foundation. Isso acontece quando o sistema imunológico não trabalha adequadamente causando dor, inchaço no pulso e nas pequenas articulações das mãos e dos pés, esclarece o American College de Reumatologia.

O tratamento para esse deformidade envolve remédios anti-reumáticos que modificam a doença, aliviam os sintomas e retardam o avanço das lesões articulares.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.