37
Compartilhamentos

6 fatos estranhos (porém verdadeiros) sobre o DNA

A descoberta da dupla-hélice do DNA, na década de 1950, foi uma das mais importantes revoluções da ciência na história, rendendo o Nobel de Medicina para os responsáveis (menos para Rosalind Franklin, infelizmente, mas isso é outra história) e abrindo espaço para uma infinidade de novas descobertas. 

Se, hoje, a gente fazer testes de DNA ou terapias genéticas contra várias doenças, é porque a dupla-hélice foi descoberta e tem sido estudada incessantemente desde 1953. Claro que, no meio de tantas descobertas úteis para a humanidade, também há alguns fatos estranhos — ou, no mínimo, megacuriosos. É sobre eles que a gente fala a seguir, nessa lista de seis fatos estranhos (porém verdadeiros) sobre o DNA.

1. O DNA é comprido — bem comprido

Se as hélices fossem desenroladas e todos os fios fossem dispostos em sequência, o DNA de cada uma das suas células teria cerca de 1,80 metro. Considerando que nós temos mais de 100 trilhões de células, o DNA do corpo todo alcançaria mais de 177 bilhões de quilômetros, se colocado em fila. Essa distância daria pra fazer mais de 600 viagens de ida e volta entre a Terra e o Sol. 

A distância entre a Terra e o Sol é enorme, mas seu DNA enfileirado poderia cobri-la seis vezes! (Imagem: Reader's Digest/Reprodução)A distância entre a Terra e o Sol é enorme, mas seu DNA enfileirado poderia cobri-la seis vezes! (Imagem: Reader's Digest/Reprodução)

2. 3 bilhões? 3 bilhões!

Esse tamanho todo, talvez, se deva à grande quantidade de pares de bases que temos em cada molécula de DNA. Ao todo, o genoma humano soma 3 bilhões de pares de bases, que se arranjam no formato de dupla-hélice. A adenina (A) sempre forma pares com timina (T), enquanto a guanina (G) se liga à citosina (C).

Três bilhões de pares de bases? É, três bilhões! (Imagem: Rede Globo/Reprodução)Três bilhões de pares de bases? É, três bilhões! (Imagem: Rede Globo/Reprodução)

3. Diferentão? Que nada!

Cada ser humano é único e especial, não é mesmo? Quer dizer, 0,1% pode até ser, mas os outros 99,9% dos 3 bilhões de pares do DNA humano é exatamente igual em todos os 7 bilhões de indivíduos que andam pela face da Terra. Porém, esse 0,1% de 3 bilhões ainda é o suficiente para fazer com que cada pessoa seja diferente

Todos nós somos 99,9% Todos nós somos 99,9% "clones" uns dos outros — quase como o Homem-Aranha apontando (Imagem: Dicionário Popular/Reprodução)

4. Gene é DNA, mas DNA não é só gene

Muitas pessoas costumam achar que os genes e o DNA são a mesma coisa. Contudo, apenas uma parcela de 1 a 3% do seu DNA é formada por genes. Então, o que é o resto? Bom, as outras partes do DNA existem para controlar a atividade dos seus genes, porém não são genes. 

Apesar dos genes fazerem parte do DNA, o DNA é mais do que isso (Imagem: Imagem: Pixabay)Apesar dos genes fazerem parte do DNA, o DNA é mais do que isso (Imagem: Imagem: Pixabay)

5. Ela é metade italiana, você sabia?

Conforme as pesquisas foram avançando, a tecnologia de análise do DNA se tornou mais acessível — de modo que, atualmente, fazer testes genéticos é algo alcançável para muitas pessoas. Um dos testes mais realizados é o de ancestralidade, que permite saber se você é realmente "metade italiana", como a Lady Gaga, ou se você tem mais genética indígena do que seus irmãos... e por aí vai!

Depois de abrir o e-mail do teste de ancestralidade, é normal ficar Depois de abrir o e-mail do teste de ancestralidade, é normal ficar "passada" com os resultados (Imagem: Twitter/Reprodução)

6. Basta uma amostra para abrir um novo mundo

Como dissemos acima, os testes de DNA estão ficando cada vez mais acessíveis. Mas, além da ancestralidade, eles podem revelar uma infinidade de informações. Na real, há vários tipos de teste de DNA que podem rastrear possibilidade de doenças, demonstrar informações sobre saúde e estilo de vida e até conectar você com parentes perdidos.

O mais interessante nisso tudo é que você só precisa de uma amostrinha do seu DNA, retirada da sua saliva, para ter acesso a esse universo de informações. Ah, a ciência!

Você pode ficar assim com as informações que podem ser reveladas no seu genoma (Imagem: Tenor)Você pode ficar assim com as informações que podem ser reveladas no seu genoma (Imagem: Tenor)

Descubra sua Ancestralidade com a Genera

O teste faz o mapeamento genético e te mostra suas ancestralidades. Você pode fazer o teste em casa, por saliva, e mandar para o laboratório analisar.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.